Em fase mais artilheira no Brasil, Guerrero conquista torcida e assume protagonismo no Fla

Goal.com

Contratado para ser ídolo e referência do Flamengo em 2015, Paolo Guerrero não teve um começo a altura de seu investimento no time Rubro-Negro. Depois de um período de seca, ausência de gols em clássicos e em jogos decisivos, o peruano viu seu nome diversas vezes especulado para deixar a equipe carioca. Mas tudo mudou quando o meia Diego chegou ao clube, dividindo a responsabilidade, o camisa 9 viu seu futebol crescer e hoje vive a melhor fase com a camisa do Mais Querido.

Enfim, acabou o caô e, hoje, Guerrero é a esperança de gols do Flamengo no importante duelo contra o Atlético-PR, nesta quarta-feira(26), pela Copa Libertadores da América. Muito mais do que isso, o atacante tem a missão de suprir a ausência de Diego em campo, não só tecnicamente mas como uma liderança para o grupo também.

Guerrero Flamengo x Botafogo Carioca 23 04 17
Guerrero Flamengo x Botafogo Carioca 23 04 17

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação)

E isso, o peruano mostrou que pode fazer. Contra o Botafogo, na semifinal do Campeonato Carioca, foi ele quem liderou a equipe na vitória que significou a classificação para a grande decisão do campeonato. Além dos dois gols, Guerrero também fez função de meia, voltando várias vezes para ajudar na construção das jogadas. Marcou, brigou e sacudiu a torcida presente no estádio.

Nesta temporada, Guerrero soma 10 gols em 13 jogos com a camisa do Flamengo. 9 tentos em 9 partidas no Campeonato Carioca. Esse é o início é o melhor início de temporada do atacante no futebol brasileiro. Para se ter uma ideia, no ano passado, seu melhor ano, o peruano foi as redes 18 vezes em 38 partidas. Hoje, em abril, Guerrero já tem mais da metade dos gols.

GFX Paolo Guerrero temporadas no Brasi
GFX Paolo Guerrero temporadas no Brasi

O técnico Zé Ricardo não poupou elogios ao atacante após o clássico contra o Botafogo no último domingo. Ele ressaltou a qualidade de Guerrero também fora da área.

"Vários aspectos explicam essa fase do Guerrero. Na área é perigoso; quando sai da área, sabe o que fazer. Além de saber fazer gols, sabe servir bastante também. Ele assumiu realmente o protagonismo que a gente espera dele. Faz o papel e tudo aquilo que a gente espera dele".

Apesar da boa fase, pela Copa Libertadores da América, principal competição do Rubro-Negro na temporada, Guerrero foi as redes apenas uma vez em três jogos, justamente contra o Atlético-PR, no Maracanã. Nesta quarta-feira, ele terá a oportunidade de ampliar seus números na maior competição de clubes da América do Sul e seguir cativando os torcedores.

Líder do grupo 4, o Flamengo encara o Atlético-PR nesta quarta-feira(26), às 21h45, na Arena da Baixada. A partida é válida pela quarta rodada da Copa Libertadores da América. 

VEJA TAMBÉM:

Leia também