Em dia de reuniões, Flamengo se reapresenta e dá respaldo a Renato antes de jogo contra o Atlético

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Horas depois de ser eliminado na Copa do Brasil e ter a pressão sobre Renato Gaúcho acentuada, o Flamengo se reapresentou na tarde desta quinta-feira, no Ninho do Urubu, para iniciar os trabalhos de olho no decisivo jogo de sábado, contra o Atlético-MG, pelo Brasileiro. O dia foi marcado por reuniões, presença de dirigentes do departamento de futebol e respaldo ao técnico.

O vice-presidente de futebol, Marcos Braz, e o diretor executivo da pasta, Bruno Spindel, estiveram no CT e conversaram com o grupo e o treinador, dando incentivo ao trabalho visando a partida de sábado. Reuniões em outros departamentos também marcaram o dia no local.

A tendência é que Renato Gaúcho, que atravessa com o Flamengo a pior sequência sem vitórias do clube (quatro jogos) em quase um ano, siga no comando da equipe ao menos até este fim de semana.

E, para o confronto diante do Galo, Portaluppi já sabe que não poderá contar com Arrascaeta, que ainda não está recuperado de uma lesão muscular e segue sem treinar com o grupo, e Pedro, que operou recentemente o joelho. Por outro lado, há boas chances de David Luiz, em fase final de recuperação e dependendo dos últimos testes físicos, retornar ao time.

> Veja e simule a tabela do Brasileirão

O jogo do Flamengo contra o líder Atlético-MG será realizado às 19h deste sábado, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo será no Maracanã, um trunfo para o pressionado time de Portaluppi encurtar a distância para o Galo, que hoje é de 13 pontos (com dois jogos a mais).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos