Em casa: Felippe Cardoso fala de ajuda de Yuri e ambiente do Flu

Felippe Cardoso conversou com o canal do Fluminense na internet (Foto: Reprodução Youtube FFC)
Felippe Cardoso conversou com o canal do Fluminense na internet (Foto: Reprodução Youtube FFC)


Apresentado pelo Fluminense na última sexta-feira, o atacante Felippe Cardoso aproveitou o fim de semana para contar os "bastidores" da negociação que fez acertar com o Tricolor. Yuri, um dos seus amigos desde que jogaram juntos no Santos nos últimos anos, e atual volante da equipe de Laranjeiras, acabou contribuindo para que as conversas tivessem o final feliz para ambas as partes. De acordo com o próprio Felippe Cardoso, a felicidade foi enorme pela chance na carreira.

– Meu empresário, quando acabou o Campeonato Brasileiro, já entrou em contato comigo falando que o Fluminense tinha interesse em mim. Fiquei muito feliz com a oportunidade, ansioso de poder vir logo. Quando recebi a notícia, mandei mensagem para o Yuri. Na hora perguntei, queria saber como era aqui, como era jogar ao lado de grandes jogadores. Ele me falou que era tranquilo, que a estrutura é muito boa... Fiquei muito feliz – afirmou o jogador à "FluTV".

- É uma realização muito grande. Eu vim de um grande clube, estava no Ceará. Foi um clube onde amadureci bastante, aprendi muita coisa com grandes jogadores que tinham lá. E quando recebi a notícia para vir para o Fluminense, onde também tem grandes jogadores, fiquei muito feliz. Tem uma história gigantesca, então estou muito motivado para chegar com a cabeça tranquila e fazer um bom trabalho.

Nestes primeiros dias de Fluminense, Felippe Cardoso já conseguiu ver o bom clima nos corredores do clube. Aos poucos, o jogador acredita pegará a confiança de todos, em um ambiente classificado por ele como "bem acolhedor". Ele aproveitou, ao finalizar, para comentar sobre as suas características, destacando o que os torcedores da equipe tricolor podem esperar dele ao longo dos jogos nesta temporada.

– Foi engraçado, pessoal aqui é bem acolhedor. Já tinha me falado isso, pessoal humilde, todo mundo conversa com todo mundo. Isso me animou bastante, me deixou mais relaxado para poder se enturmar. Estou pegando aos poucos a confiança de todos. Tenho certeza que aos pouquinhos vou estar me dando bem com todo mundo - disse, finalizando:

- Eu sou um centroavante, não fico muito fixo, às vezes eu saio, tenho essa facilidade de sair da área, fazer um-dois... Sou alto, na bola aérea vou bem. Então tenho certeza que vou pegar o máximo de experiência com esses jogadores, aprender mais e mais para poder desenvolver um bom trabalho.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também