Em busca de luta milionária, 'DJ' se oferece para enfrentar McGregor no UFC

Campeão incontestável dos pesos-moscas (57 kg), Demetrious Johnson venceu na semana passada o brasileiro Wilson Reis e empatou com Anderson Silva com a marca histórica de dez defesas de cinturão seguidas no UFC. No entanto, seu sucesso ainda não lhe garantiu o retorno financeiro que outros campeões alcançaram no evento. Situação que pode estar com os dias contados.

Em entrevista ao site ‘TMZ Sports’, DJ afirmou que estaria disposto a encarar o campeão dos pesos-leves (70 kg) Conor McGregor. De acordo com o americano, a disputa poderia ser realizada em um peso intermediário, já que o atleta mais bem pago da história do MMA também já foi o número um dos penas (66 kg).

“Teria que ser alguém de outra divisão. Digo, teria que ser o Conor [para receber o que merece]. Olha a luta entre ele e o Mayweather, são diferentes esportes. Acho que se alguma luta acontecesse antes dessa seria a dele comigo. Fazemos a mesma coisa”, descreveu.

Garantindo que não seria tão difícil casar o duelo, embora ele seja o campeão do UFC com menor índice nas vendas de pay-per-view, Demetrious aproveitou para analisar as valências do rival irlandês e pareceu confiante sobre um hipotético confronto.

“Teria que tomar cuidado com sua esquerda. Ele tem bons chutes, ele tem poder nas mãos… Sou um cara menor, mas se eu quiser esse cheque, talvez tenha que chamar pelo McLife”, afirmou se referindo ao nome da agência de notícias do próprio Conor McGregor.