Em Bragança Paulista, Bragantino e Goiás fazem jogo de vice-lanterna e lanterna do Brasileirão

Futebol Latino
·2 minuto de leitura


Querendo brigar por objetivos mais ambiciosos no returno do Brasileirão, Bragantino e Goiás se enfrentam no próximo sábado (24) no estádio Nabi Abi Chedid precisando vencerem para conseguir enxergar a saída da zona de rebaixamento.

No caso dos mandantes que tem 16 pontos na 19ª colocação, além de atuar em casa, conta favoravelmente o fato de que todos os adversários mais próximos até o Vasco, 16°, estão a menos de uma rodada de distância. Logo, existe uma combinação de resultados que, agregada a vitória do Massa Bruta, tiraria o time do Z4 já na 18ª Rodada.

Por outro lado, o Esmeraldino não pode dizer que vive a mesma realidade. Em último com 11 unidades, o time que já trocou três vezes de treinador dentro da competição tem duas partidas a menos que seus concorrentes.

Pensando nas formações que Red Bull Bragantino e Goiás trarão a campo, o time visitante sabe que não pode contar com o meio-campista Breno e também provavelmente com Daniel Bessa. Enquanto o primeiro está fora por suspensão, o segundo sentiu recentemente um problema muscular e tem poucas chances de atuar. Em compensação, Rafael Moura, que não jogou no 0 a 0 diante do Botafogo no Rio de Janeiro, volta ao time por ter cumprido sua suspensão.

Apesar dos sete desfalques que compõem o departamento médico do Massa Bruta (Alerrandro, Weverson, Vitinho, Wesley, Matheus Jesus, Leo Realpe e Leandrinho), as boas notícias recebidas nessa semana por Maurício Barbieri ficaram por conta de dois meio-campistas que devem voltar a lista de opções: Lucas Evangelista e Thonny Anderson.

FICHA TÉCNICA
RED BULL BRAGANTINO x GOIÁS

Local:
Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista (SP)
Data e hora: 23/10/2020 - 17h
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil e Thiaggo Americano Labes
VAR: Rodrigo D'Alonso Ferreira (SC)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger, Edimar; Ricardo Ryller, Raul, Artur e Bruno Tubarão; Claudinho e Ytalo. Técnico: Mauricio Barbieri.

GOIAS: Tadeu; Edílson, Fábio Sanches, David Duarte e Caju; Ariel Cabral, Salazar e Shaylon; Keko, Vinícius e Rafael Moura. Técnico: Enderson Moreira.