Em alta, Nino chega aos 90 jogos pelo Fluminense como peça fundamental no sistema defensivo

LANCE!
·2 minuto de leitura


A boa fase do Fluminense no Campeonato Brasileiro passa pelo sistema defensivo sólido da equipe. Com três vitórias seguidas no Brasileirão, algo que não acontecia desde 2016, o Tricolor está muito próximo de retornar a Libertadores da América. Ao lado do crescimento coletivo da equipe, o zagueiro Nino vem se destacando individualmente e se tornou peça fundamental para a equipe de Marcão.

Confira e simule a tabela do Brasileirão


Após a vitória sobre o Bahia, na última quarta-feira, por 1 a 0, na Fonte Nova, Nino atingiu a marca de 90 jogos com a camisa do Tricolor das Laranjeiras. Com apenas 23 anos, o zagueiro tem ótimos números na temporada e, com ele em campo, a defesa do Fluminense não foi vazada em outros seis jogos. De acordo com dados do “SofaScore”, o zagueiro sofreu um drible nos últimos 19 jogos.


Na temporada passada, Nino recebeu 13 amarelos, mas na temporada 2020/2021 tomou apenas quatro. Ainda segundo os números do 'Sofa Score', no Brasileirão, Nino não cometeu erros defensivos, além de se destacar com 23 desarmes, 45 interceptações e 94 cortes.


Desde que voltou a ser titular, a equipe não foi mais vazada. São três partidas sem tomar gols. Algo que era difícil de imaginar, levando em consideração que o time sofreu 11 gols em cinco jogos após a saída de Odair.

Embalado por sua consistência defensiva, o Fluminense volta aos gramados na próxima quarta-feira, diante do Atlético-MG, às 21h30, no Maracanã. Em caso de vitória, o Tricolor fica muito próximo de garantir uma vaga na Libertadores.