Eliminado pelo PSG, treinador do Caen ataca Neymar: 'É um chorão'

LANCE!
·1 minuto de leitura


Neymar lesionou-se em partida válida pela Copa da França, contra o Caen, nesta quarta-feira. Apesar da vitória por 1 a 0, o Paris Saint-Germain saiu de campo preocupado com a sua principal estrela. O treinador da equipe eliminada, Pascal Dupraz, atacou o brasileiro após o jogo.

Veja a tabela do Francês

- (Neymar) É um chorão e beneficia-se da indulgência dos árbitros porque provoca sempre os adversários com as fintas. Saiu com a mão na coxa, mas não percebi que estivesse lesionado. Não vou discutir esse fato, mas ele tem que perceber que é prejudicial para ele próprio, para a sua equipe e para o futebol francês. Devia se comportar mais como o Michel Platini ou o Johan Cruyff - disse o treinador do Caen.

Em sua conta no Instagram, o pai de Neymar respondeu o treinador do Caen atacando-o de volta.

- O meu filho deve chorar, mas não é pelo que você imagina. Ele deve é chorar por treinadores como você, árbitros com esta falta de nível, campeonatos que não querem saber dos jogadores e jornalistas, na sua maioria, parciais - respondeu o pai do brasileiro, conhecido como Neymar Pai.

Com a lesão, Neymar não enfrentará o Barcelona no jogo de ida das oitavas de final da Champions League. A partida está marcada para esta terça-feira, às 17h (de Brasília), no Camp Nou, na cidade de Barcelona (ESP).