Eliminação na Copa do Brasil custa cargo de Felipe Moreira na Ponte

Felipe Moreira não é mais técnico da Ponte Preta. Nesta sexta-feira, o clube comunicou oficialmente a demissão do treinador, que não resistiu à eliminação da Macaca na Copa do Brasil, diante do Cuiabá. Em partida realizada nesta quinta, no Moisés Lucarelli, Ponte e Cuiabá empataram por 1 a 1 no tempo normal, mas na disputa de pênaltis o time do Mato Grosso levou a melhor por 5 a 4 e garantiu presença na próxima fase da competição.

“Não é mais segredo, mas Felipe Moreira não faz mais parte da Ponte. Vida que segue. Só gostaria de explicar antes que a coletiva foi marcada em consequência do jogo de ontem. Após o jogo, eu e Gustavo nos oferecemos para vir com o Felipe, mas ele pediu para ir sozinho. Então marcamos essa coletiva para dar uma justificativa. Nesse meio tempo, chegamos à decisão que o melhor era trocar o treinador”, explicou o diretor de futebol Hélio Kazuo.

 

 

A decisão de romper o contrato de Moreira foi tomada em reunião na tarde desta sexta e não houve unanimidade, já que parte da diretoria apoiava a permanência do treinador. No entanto, a eliminação na Copa do Brasil e a rejeição por parte dos torcedores, pesaram na escolha. Aposta da Ponte Preta para a temporada, após a saída de Eduardo Baptista para o Palmeiras, o técnico durou apenas oito jogos no cargo.

“Foi uma decisão nossa de ter uma mudança. Colocamos na balança os pontos positivos e negativos. Eu acredito no Felipe, sei que vai virar um grande um técnico, mas o resultado é importante. A Ponte é um clube que não pode se dar ao luxo de ter esses resultados, principalmente em uma competição importante como a Copa do Brasil”, acrescentou Kazuo.

Nos oito jogos em que esteve à frente da Ponte como treinador principal, sem contar o período em que exerceu a função de forma interina, Felipe Moreira obteve quatro vitórias, três empates e apenas uma derrota, acumulando 62,5% de aproveitamento. Enquanto não define o próximo técnico, a Macaca será comandada pelo auxiliar João Brigatti.