Elgin Baylor, lenda do Los Angeles Lakers, morre aos 86 anos

·1 minuto de leitura
Elgin Baylor discursa durante um evento público em maio de 2013 em Century City, na Califórnia

Elgin Baylor, um dos maiores jogadores da história do Los Angeles Lakers da NBA, morreu nesta segunda-feira aos 86 anos, informou a franquia.

O ex-jogador "morreu de causas naturais hoje em Los Angeles aos 86 anos", disse o time da Califórnia em um comunicado.

Baylor está entre os grandes astros da NBA que nunca conquistaram um anel, apesar de ter disputado oito finais.

O lendário jogador disputou 14 temporadas pelos Lakers, primeiro em Minneapolis e depois em Los Angeles após a transferência da franquia, e foi escolhido 11 vezes para o All-Star Game.

"Elgin foi o superastro da nossa era", reconheceu Jeanie Buss, dona dos Lakers, atuais campeões da NBA.

Após sua aposentadoria em 1971, Baylor foi indicado para o Basketball Hall of Fame em 1977 e trabalhou como treinador do New Orleans Jazz e vice-presidente esportivo do Los Angeles Clippers.

Em 1996, a NBA o incluiu na lista dos 50 melhores jogadores de sua história, em uma votação realizada nas comemorações do meio século de existência da liga.

gbv/cl/aam