Eleição no Corinthians: Vices de Duílio Monteiro Alves falam ao LANCE!: 'Gestão de primeiro mundo'

Alexandre Guariglia
·3 minuto de leitura


No próximo dia 28, o Corinthians terá sua eleição para presidente do clube e, para aquecer a disputa, o LANCE! traz uma série de entrevistas com os envolvidos no pleito. Nesta semana, as conversas serão com os candidatos a vice-presidente das três chapas concorrentes. Como o critério adotado para a publicação é por ordem alfabética, a segunda entrevista será com os vices de Duílio Monteiro Alves, da chapa "Duílio Presidente": Elie Werdo (1º vice-presidente) e Luiz Wagner Alcântara (2º vice-presidente). Confira abaixo:

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

Elie Werdo (1º vice-presidente), 79 anos - Conselheiro Vitalício, atualmente secretário-geral da Presidência

Qual é a sua relação com Duílio Monteiro Alves?
​Conheço o Duílio desde 2007, portanto temos 13 anos de amizade. Vivenciamos juntos o Mundial do Japão, eu já era amigo do Adilson Monteiro Alves, seu pai, que foi o histórico diretor de futebol da época da Democracia Corinthiana. Quanto à nossa relação, é a melhor possível, nos respeitamos mutuamente.

De que forma essa parceria foi fechada? Como esse "trio" se uniu?
​O Duílio me ligou perguntando se eu gostaria de participar da chapa como vice-presidente. Como já trabalhamos juntos e o conhecia bem, aceitei, sabendo da capacidade, do caráter e da honestidade dele, aliado à juventude e à boa gestão. Quanto ao Wagnão, conheço-o do Corinthians: trabalhador, dedicado, um grande amigo.

Qual é a principal ideia em comum desse grupo? Qual a proposta para o mandato que mais une vocês?
A principal ideia é fazer um Corinthians gigante, com propostas modernas, com profissionais de ponta e uma administração de primeiro mundo. Eu já participei de outras administrações do Corinthians, mas reconheço no Duílio o discurso transformador que o futebol moderno exige das grandes instituições: consultorias para otimização da gestão, olhar atento ao patrimônio da base corintiana e capacidade de levar as marcas do clube a um patamar único de inovação de marketing.

Luiz Wagner Alcântara "Wagnão" (2º vice-presidente), 54 anos - De 2018 a 2020 exerceu a função de diretor-adjunto de esportes terrestres do clube

Qual é a sua relação com Duílio Monteiro Alves?
Duílio teve uma passagem muito marcante pelo Departamento Cultural, de 2009 a 2010, e pelo social. Sempre me identifiquei com esse trabalho feito por ele. Nesse momento, isso acabou estreitando muito mais essa relação, porque a minha trajetória no clube sempre foi voltada para trabalhos com o associado. Creio que juntos podemos trabalhar muito pelo social e pelo associado do clube.

De que forma essa parceria foi fechada? Como esse "trio" se uniu?
Recebi o convite para esse desafio com a total certeza de que, aliado à experiência do senhor Elie Werdo como primeiro vice, estamos prontos. Nós prestamos diversos serviços a diversos departamentos do clube e somos conhecedores de todas as necessidades dos associados. Vou colaborar muito com esse trio por esse conhecimento de chão de clube e daquilo que precisa ser aprimorado. Falar do Duílio então é muito fácil: Duílio tem a capacidade de gerir novos negócios, novos incentivos e tudo aquilo de que o clube neste momento precisa. Tenho certeza de que vamos formar um trio forte para uma gestão transformadora em face dos novos desafios do clube de futebol.

Qual é a principal ideia em comum desse grupo? Qual a proposta para o mandato que mais une vocês?
O foco do nosso trabalho será sem dúvida adequar nosso clube social ao novo momento que o mundo vive, com capacidade aprimorada de arrecadação, presença forte nos negócios digitais, diversificação de parcerias, tudo isso para finalmente dar ao corintiano o que ele mais gosta: um time forte e competitivo dentro e fora de campo.