Elcyr Resende é preparado para fim de semana 'cheio', que inclui jogo do Corinthians na Copa do BR

Vinícius Faustini
·4 minuto de leitura


O Corinthians desembarcará nesta sexta-feira em um campo que se tornou reflexo das idas e vindas ao manter o futebol em atividade mesmo em meio à pandemia da Covid-19. O Elcyr Resende, onde Timão e Retrô-PE duelarão às 21h30, pela segunda fase da Copa do Brasil, "acolherá", entre esta sexta-feira e domingo, quatro partidas. O jogo decisivo para os corintianos será "acomodado" logo após uma partida do Campeonato Carioca.

Como o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), proibiu partidas de futebol na capital para combater a propagação da Covid-19, a "cartada" da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) foi remanejar jogos para cidades nas quais não há vetos neste fim de semana. O duelo entre Fluminense e Volta Redonda, pela sexta rodada do Campeonato Carioca, também foi remanejado para Saquarema, cidade da Região dos Lagos, e acontecerá às 16h.

Corinthians e Retrô também tiveram de peregrinar até chegarem a Bacaxá. Além do veto a jogos em território paulista, a outra alternativa foi o Estádio Raulino de Oliveira. Contudo, a Prefeitura de Volta Redonda proibiu a realização de partidas da Copa do Brasil que envolvessem equipes de outros estados para reduzir a circulação de pessoas na região durante a pandemia do novo coronavírus.

Prestes a ver o Estádio Elcyr Resende ganhar ares de "solução emergencial" para o fim de semana, o gestor do Boavista, João Paulo Magalhães, garantiu que o clube zelará para conter a propagação da Covid-19.

- O Boavista vai cumprir todos os protocolos estabelecidos. O futebol deve ser o ambiente mais testado de todos. Ninguém pode entrar no estádio sem PCR negativo, nem o câmera, nem massagista e nem o camisa 10. Entendemos que o local se torna seguro para a prática de futebol - afirmou, ao LANCE!.

Outro fator também traz preocupação: em quais condições estará o gramado quando o Timão entrar em campo para duelar com a "sensação" pernambucana. Afinal, série de jogos começou na última terça-feira, com a vitória por 2 a 0 do Fluminense sobre o Boavista, também pelo Carioca.

Treinador do Retrô, Nilson Corrêa reconhece que as condições do gramado podem ser um obstáculo. Porém, diz que cabe ao Azulão encontrar saída para surpreender a equipe corintiana.

- Infelizmente, não temos o que fazer. O que não tem remédio, remediado está. Acredito que o gramado não estará em suas melhores condições, e é óbvio que sentiremos isso, assim como o Corinthians, pois os dois estão habituados a jogar em arenas. O Corinthians atua na sua arena, NeoQuímica e nós na Arena Pernambuco, que é um tapete. Mas teremos de achar soluções dentro da partida. Isso partirá de dentro do campo - e destacou:

- Espero que o gramado não esteja ruim, que esteja em condições para se praticar futebol. E em relação às medidas de protocolo contra Covid-19, todo protocolo tem sido fantástico, todos somos submetidos a exames, hoje (quinta-feira) passaremos outra vez. O estádio passará por higienização e seguiremos fazendo nosso trabalho, como é feito até aqui - completou.

Treino Corinthians
Treino Corinthians

O Corinthians treinou no CT do Flamengo (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)

Procurado pelo LANCE!, o Corinthians não respondeu as perguntas até a publicação desta matéria.

Já o gestor do Boavista, João Paulo Magalhães, frisou que o aspecto do gramado no decorrer do duelo com o Fluminense não afeta o desempenho dos jogadores.

- Vamos pintar para melhorar o aspecto, mas o problema é só estético. O jogo transcorre sem problemas e sem nenhum tipo de prejuízo técnico às equipes - declarou.

Outras duas partidas do Campeonato Carioca serão realizadas no final de semana, envolvendo clubes tradicionais do Rio de Janeiro. O Boavista receberá o Flamengo no sábado, às 21h05. Já no domingo, às 18h, o Nova Iguaçu encara o Botafogo.

PREFEITURA GARANTE 'PROTOCOLOS RÍGIDOS', MAS A PARTIR DE SEGUNDA-FEIRA... SEM FUTEBOL!

Saquarema
Saquarema

Prefeitura deu segurança para jogos no fim de semana, mas suspenderá o futebol a partir de segunda-feira (Divulgação/Prefeitura de Saquarema)

Cidade da Região dos Lagos marcada por sediar eventos esportivos, Saquarema também tem se adequado ao combate à Covid-19. Em nota oficial ao LANCE!, a prefeitura contou que tem se mobilizado intensamente para evitar a escalada do vírus.

"A Prefeitura de Saquarema, desde o início, não retrocedeu com nenhum decreto para o enfrentamento à pandemia. Todos continuam em vigor e novas medidas foram implantadas para endurecer ainda mais o combate ao vírus".

Uma das medidas tomadas tem a ver com a realização de eventos esportivos.

"Todas as delegações técnicas seguem protocolos rígidos para evitar a propagação do vírus. Esses protocolos foram previamente definidos com as confederações esportivas e as autoridades de saúde e sanitárias. A Secretaria Municipal de Saúde solicitou o envio dos resultados dos exames de cada jogador e componente da comissão técnica a serem entregues antes da entrada no município".

A Prefeitura de Saquarema também frisou: "Há barreiras sanitárias instaladas nas entradas da cidade, além de bloqueios físicos em diversos pontos do município".

Já em edição extra do Diário Oficial na última quarta-feira, a Prefeitura tomou uma atitude ainda mais drástica. As partidas de futebol profissional ficarão proibidas na cidade entre os dias 29 de março e 4 de abril, enquanto de futebol amador não pode ser praticado por tempo indeterminado. Sem mais um reduto no Rio, o futebol tende a ter novo capítulo itinerante.