Eduardo Camavinga manifesta desejo de jogar no Paris Saint-Germain

·1 minuto de leitura


Eduardo Camavinga quer deixar o Rennes. De acordo com a "RMC Sport", o meio-campista já comunicou ao clube o desejo de jogar pelo Paris Saint-Germain, que demonstrou interesse em contar com seu futebol.

VEJA A TABELA DO CAMPEONATO FRANCÊS

Com contrato até junho de 2022, Camavinga fez exigências salariais muito altas, o que travou as negociações com o Rennes. Ele comunicou ao clube que não deseja renovar, o que faz a direção ser obrigada a vendê-lo para não perder o jogador de graça no fim do vínculo.

O PSG colocou Camavinga como a prioridade na janela de transferências. O presidente do clube, Al-Khelaifi, está negociando e já entrou em contato para falar sobre a joia francesa. Uma proposta oficial ainda não foi feita.

Faltando 12 meses para o fim do contrato de Camavinga, o Rennes exige 100 milhões de euros pelo meio-campista. Eles acreditam que o valor é justo pois o jogador tem potencial para se tornar um talento mundial.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos