Eduardo Bolsonaro diz que foi ao Qatar entregar pen drives sobre o Brasil

*ARQUIVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  05-11-2019, 18h00: O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). O jornalista Allan Santos, do Site Terça Livre, presta depoimento à CPMI das Fake News, no Senado Federal. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 05-11-2019, 18h00: O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). O jornalista Allan Santos, do Site Terça Livre, presta depoimento à CPMI das Fake News, no Senado Federal. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) virou piada nesta terça-feira (29) nas redes sociais após postar um vídeo dizendo que foi a Copa do Mundo do Qatar entregar pen drives sobre a situação no Brasil. Ele foi flagrado pelas câmeras de transmissão tirando fotos no estádio, enquanto apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL-RJ) estão em acampamentos pedindo "intervenção federal".

Um internauta identificado como Perobense compartilhou um vídeo de Eduardo se explicando e mostrando uma bolsa com vários pen drives com vídeos em inglês explicando a situação do Brasil. "Depois do clássico: ‘Essa reunião poderia ser um e-mail’. Vem aí o: ‘Essa viagem para o país-sede do maior evento esportivo do mundo poderia ter sido um link do Google Drive’."

O usuário do Twitter Rick Buzz compartilhou um meme da vilã Nazaré Tedesco tentando entender a teoria do deputado e questionou se ele não conhece google drive, e-mail ou serviço de transmissão de arquivos. "Ele foi pro Catar assistir aos jogos da seleção, e no meio das partidas (estilo 007) foi entregar pendrives com vídeos do Brasil para os estrangeiros?", questionou.

O internauta Pedro Octavio zombou de Eduardo Bolsonaro dizendo que árabe não deve ter ICloud ou google drive. "Little Banana arrumou um pendrive velho para dizer que estava levando vídeo para árabe ver na Copa do Mundo", disse. "É por isso que ele estava assistindo jogo na Copa enquanto você está na chuva, patriotário!"

Carlos Alberto Junior compartilhou no Twitter uma imagem do deputado posando para foto com uma mulher no estádio no Qatar e fez piada que este foi o momento em que ele entregou o pen drive. "O momento em que o bananinha 'radical de ar-condicionado' entrega um pendrive com vídeos em inglês ‘denunciando a situação no Brasil’ para a comunidade internacional", escreveu. "Carluxo havia hackeado a conta no google drive e o deputado foi obrigado a ir pessoalmente."