Edilson desfalca Cruzeiro e Thiago Neves tem situação esclarecida em nota

Gazeta Press

Rogério Ceni não terá Edilson contra o Palmeiras, mas poderá escalar Thiago Neves (Foto: Vinnicius Silva/CEC)

Uma notícia mudou os planos do Cruzeiro nesta sexta-feira. Após a informação de que Thiago Neves estaria fora da partida contra o Palmeiras, o clube emitiu uma nota desmentindo a notícia e elucidando que Edilson sequer viajou a São Paulo para o duelo marcado para este sábado, ás 19 horas (de Brasília), pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clube não acostuma divulgar os relacionados para os jogos.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A ausência do lateral-direito abre espaço para especulações em relação a uma possível transferência. O jogador disputou seis partidas na elite nacional, limite máximo para uma negociação entre clubes da mesma competição. O contrato dele com o Raposa vai até o final de 2020 e seu salário é considerado alto para uma atleta da posição.


Vindo de uma goleada sofrida diante do Grêmio, o Cruzeiro é o 16º colocado, com 18 pontos, três a menos que CSA e Fluminense, equipes que já figuram na zona de rebaixamento. Sem Edilson, Orejuela assume a lateral direita.

Confira a nota emitida pelo Cruzeiro:

O Cruzeiro Esporte Clube esclarece que a relação de atletas convocados para a partida diante do Palmeiras não foi divulgada para a imprensa, prática de praxe do Clube.

No entanto, diante das notícias que criaram dúvidas a respeito da presença ou não de Thiago Neves na delegação, o Cruzeiro informa que ele viajará normalmente para São Paulo e não deixou a Toca da Raposa 2.

O equívoco se deveu à saída do carro de Thiago Neves do centro de treinamentos, no qual estava o lateral direito Edilson, que não viaja para São Paulo, acompanhado de seu motorista.

Leia também