Ederson e David não aparecem em treino na Toca. Cruzeiro ainda tenta contato com os dois jogadores

Valinor Conteúdo
LANCE!
Ederson, que ganhou destaque em 2019, não apareceu para treinar nesta quinta-feira. Mesmo caso do atacante David- (Vinnicius Silva/Cruzeiro)
Ederson, que ganhou destaque em 2019, não apareceu para treinar nesta quinta-feira. Mesmo caso do atacante David- (Vinnicius Silva/Cruzeiro)


Uma brincadeira nas redes sociais diz que o Cruzeiro está a “0 dias” sem crise e o recorde é de “0 dias”. Bem, o torcedor que faz troça com isso, parece ter razão. Após uma quinta-feira com saídas bruscas da Raposa, casos de Alexandre Mattos e Pedro Lourenço, que anunciaram seus desligamentos, outros dois casos chamaram a atenção no clube.

O volante Éderson e o atacante David não compareceram à Toca da Raposa para seguir com a pré-temporada na Toca da Raposa, iniciada na segunda-feira, dia 6. Os dois jogadores estavam trabalhando normalmente até quarta-feira, mas nesta quinta-feira, não foram ao CT da Raposa, o que gerou preocupação e tentativas do clube de contatos com os dois atletas.

O diretor de futebol do Cruzeiro, Ocimar Bolicenho, confirmou as ausências e disse que os jogadores não justificaram as faltas, nem atenderam os telefones.




Por coincidência, David e Ederson são agenciados pelo empresário , que foi procurado pelo clube, mas disse que não lidava com essas situações corriqueiras e pediu para Ocimar contatar outro funcionário. A tentativa foi feita, mas nada de uma notícia sobre a dupla.

Um possível motivo para as faltas são os atrasos do Cruzeiro com os jogadores. Salários e direitos de imagem continuam sendo pagos com atrasos. O empresário André Cury também cuida da carreira do zagueiro Ramón, ex-Vitória, que chegou à Toca da Raposa em um contrato ainda mal explicado, feito pela antiga diretoria, que assinou um acordo com o atleta em agosto do ano passado.

A diretoria celeste terá uma reunião com o agente sobre Ramon e também para falar da proposta do Fortaleza, que deseja levar David. Outro assunto da conversa deve ser a ausência do volante e do atacante nos trabalhos desta quinta-feira.







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também