E os reforços? Corinthians se vê sem alternativas ofensivas para "mudar jogo"

Fábio Utz Iasnogrodski
90min

​Seis jogadores foram contratados e nenhum, até aqui, deu a resposta esperada, sendo que um deles já foi dispensado sem sequer estrear. No momento em que precisa reverter a vantagem do Cruzeiro para tentar garantir o título da Copa do Brasil na próxima quarta-feira, o ​Corinthians se vê sem novas opções ofensivas que sejam garantia de um bom desempenho.


De torcedor para torcedor: ​clique aqui e siga o 90min no Instagram!



Nos últimos tempos, o Timão adotou um esquema em que prioriza a movimentação ofensiva, mas sem um artilheiro de ofício. Jadson, Mateus Vital, Clayson e Romero são os homens de frente. Porém, volta e meia se vê um time sem qualquer brilho na tentativa de agredir o adversário e criar chances de gol, como aconteceu na derrota por 1 a 0 no Mineirão. E quando Jair Ventura olha para o banco...

Flamengo v Corinthians - Copa do Brasil Semi-Finals 2018
Flamengo v Corinthians - Copa do Brasil Semi-Finals 2018


O centroavante Roger, por exemplo, nem inscrito está na Copa do Brasil pois já havia entrado em campo pelo Inter. Porém, quando foi utilizado no Brasileirão e na Libertadores, pouco contribuiu. Jonathas, outro grandalhão, sofre com problemas físicos que o impedem de ter uma sequência. Por sua vez, Matheus Matias é considerado “cru” tática e fisicamente, tanto que desceu para atuar na base.

FBL-LIBERTADORES-CORINTHIANS-COLOCOLO
FBL-LIBERTADORES-CORINTHIANS-COLOCOLO


o chileno Araos, de 21 anos, que se esperava ser o substituto de Rodriguinho, ainda não deu a resposta que seja proporcional ao investimento de R$ 18 milhões. No duelo de ida contra a Raposa, inclusive, acabou expulso por uma falta infantil quando já tinha cartão amarelo. Enquanto isso, se sabe que o paraguaio Sergio Díaz, com 20 anos, precisa de um tempo maior de preparação para realmente virar uma alternativa. Por fim, Bruno Xavier, destaque da Série A-2 pelo Nacional, acabou mandado embora por indisciplina. A solução é apostar no que se tem e ver o que acontece.

Leia também