E o 'Jacaré'? Romero desafia Anderson Silva para luta por título interino do UFC

Yoel Romero nocauteou Chris Weidman em sua última luta - Diego Ribas

Número um do ranking e virtualmente próximo desafiante ao cinturão dos pesos-médios (84 kg) do UFC, o cubano Yoel Romero foi deixado de lado quando Georges St-Pierre retornou ao MMA para disputar o título contra Michael Bisping. Por isso, o veterano parece ter entendido como ‘a banda toca’ e fez curioso desafio nesta segunda-feira (13).

De olho em money fights e no cinturão ao mesmo tempo, o atleta pediu por uma luta contra Anderson Silva, ex-campeão do UFC que vem de vitória contra Derek Brunson e iniciou campanha para lutar no UFC Rio, em junho. Duelo este que movimentaria como nunca a divisão.

“Não seria ideia ruim e seria interessante para todos se eu lutasse com Anderson Silva. Seria interessante se lutássemos por um cinturão interino. Estou disposto a fazer outra luta, se for com um grande nome e bom para os dois, como com o Anderson. E por um título interino, seria ótimo”, desafiou em conversa com o programa ‘MMA Hour’.

Deixando Jacaré de lado, Romero parece ter seu plano traçado. Encarar Anderson e depois disputar o cinturão linear faria sentido na narrativa do cubano, que deixou no ar o sonho de enfrentar Georges St-Pierre, possivelmente de olho em uma luta mais rentável financeiramente.

“Lutaria com qualquer um e venceria qualquer um. Mas o único que teria grande nome seria o Anderson, é um campeão do undo. E nós dois temos os planos de lutar com o St-Pierre também. Exatamente por isso que quero lutar com o Anderson, te digo que tenho planos”.