E o Cauê? Entenda por que Mancini não tem escalado a joia do Corinthians

Fábio Lázaro
·3 minuto de leitura


O técnico Vagner Mancini optou por escalar o Corinthians sem centroavante na vitória por 2 a 1 sobre o Ceará, na última quarta-feira (3), na Neo Química Arena, pela 34ª rodada do Brasileirão. A decisão de um ataque mais veloz fez com que o experiente Jô fosse barrado, entrando apenas no segundo tempo, e levantou uma dúvida: e o Cauê, artilheiro do sub-20 corintiano?

Atualmente, o elenco principal do Timão tem apenas Jô e Matheus Davó como atacantes de área, enquanto o garoto da base foi relacionado em apenas uma partida, ainda enquanto Dyego Coelho comandava o time de Parque São Jorge interinamente. A prata da casa ficou apenas no banco de reservas corintiano na vitória por 3 a 2 sobre o Bahia, em Itaquera, pela 11ª rodada do Brasileiro, em setembro.

> Veja a classificação do Brasileirão e simule os próximos jogos

De acordo com Mancini, o jogador, além de outros atletas da base estão sendo observados para a próxima temporada. O treinador corintiano acredita que o momento atual do Timão, que tem nas últimas rodadas da competição nacional uma decisão por jogo, em busca de uma vaga na Libertadores, poderia ser negativo para a entrada de um atleta em formação.

- O Cauê, desde que eu cheguei, não foi relacionado. O Cauê, assim como os outros meninos, estão sendo observados com o máximo de atenção, porque estamos no fim da temporada, sendo que estamos no começo do ano - disse o treinador em entrevista coletiva virtual após o triunfo contra os cearenses.

- Importante que a gente expresse o que está sendo feito, para que todo mundo entenda: pegar um jogador no fim da temporada, a promessa do clube, e fazer a entrada no time nessa situação, onde tem que ganhar, seria antecipar demais, de acordo com a nossa opinião - acrescentou.

Ninguém descartado

Em fim de temporada, Mancini e a diretoria corintiana já avalia nomes para o novo ano esportivo, que inicia na semana seguinte ao encarramento do Brasileirão. E, nesse caso, tanto Cauê, quanto os demais jogadores do profissional e da base estão sendo observados.

- O Cauê e os jogadores do sub-20 serão aproveitados, sim, porque isso é a lógica do time de futebol. Assim que tem o investimento na base, o profissional tem que ser olhado com carinho - pontuou Vagner Mancini.

- Dentro do nosso planejamento, estamos no final do Brasileiro, vamos entrar daqui a pouco no Paulista, onde a gente tem uma lista de inscrição. Tem que ser pensado com calma. Nenhum atleta do Corinthians tem sido descartado, de maneira alguma, contamos com todos eles - concluiu o técnico.

Artilheiro corintiano na última edição do Campeonato Brasileiro sub-20, Cauê marcou oito gols em 21 jogos. O Timão foi eliminado na semifinal da competição, nos pênaltis, para o Atlético-MG, que se sagrou campeão.

No fim de 2020, o atacante corintiano foi convocado por André Jardine para a Seleção Sub-21 para o Torneio Internacional, preparatório para o Sul-Americano da categoria neste ano.

Cauê Corinthians
Cauê Corinthians

(Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)