Durcesio pretende manter Eduardo Barroca e Túlio Lustosa no Botafogo até o fim da temporada

LANCE!
·2 minuto de leitura


Restam apenas dez rodadas para o fim do Brasileirão e a situação do Botafogo na tabela segue delicada. Na penúltima colocação, com apenas 23 pontos, o Glorioso se aproxima de uma iminente queda para a segunda divisão e terá que reagir neste momento decisivo. Para isso, o presidente Durcesio Mello pretende manter Eduardo Barroca e Túlio Lustosa no clube até o final da temporada, em fevereiro.

> Confira a tabela atualizada do Brasileirão 2020 e simule os resultados


Apesar da forte pressão externa para mudanças no clube, a nova diretoria, composta pelo presidente Durcesio Mello e o vice geral Vinicius Assumpção, pretende realizar uma reunião ao fim da temporada em fevereiro para traçar as novas diretrizes do futebol do Glorioso. As mudanças partem da contratação de um CEO e de um novo diretor de futebol para planejar o elenco para 2021.

> Quem vem por aí: veja promessas que podem aparecer nos clubes brasileiros

Com o risco de queda, o nome de Juliano Camargo, do Sampaio Corrêa, foi oferecido e agradou pelo trabalho que tem feito na equipe maranhense. A "Bolívia Querida" subiu de divisão e tem feito uma boa campanha na série B do Brasileirão, sendo competitiva apesar da escassez de recursos financeiros. Atualmente, o time ocupa a oitava colocação da competição com 45 pontos. e tem o artilheiro Caio Dantas com 17 gols.

- Estaduais, Champions, Fórmula 1: saiba quem irá transmitir os principais eventos esportivos em 2021

Com o planejamento de enxugar a folha salarial do clube, seja em que divisão estiver, a diretoria do Botafogo só irá fazer mudanças concretas quando um novo diretor de futebol for contratado. No entanto, Juliano Camargo tem outras propostas, mas cogita fechar com o alvinegro para a próxima temporada. Durante sua posse, na última segunda, Durcesio elogiou o técnico Eduardo Barroca.

– Barroca fica comigo um ou dois anos, gosto muito do trabalho dele e acredito nessa continuidade do trabalho. Ele está fazendo essa parte motivacional e também com treinamentos intensivos, eu tenho acompanhado e estou impressionado – afirmou o presidente.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo volta a campo no domingo, às 20h30 (de Brasília), no clássico contra o Vasco, em São Januário. Atualmente, na penúltima posição da competição, o Glorioso necessita reencontrar o caminho das vitórias para sair do incômodo Z4 e evitar uma iminente queda.