Durcesio anuncia nomes dos novos vice-presidentes do Botafogo

Sergio Santana
·1 minuto de leitura


A mesa que vai comandar o Botafogo no quadriênio 2021-2024, aos poucos, vai tomando a forma completa. Na última segunda-feira, durante a cerimônia de posse do presidente Durcesio Mello, no salão nobre de General Severiano, sede social do Alvinegro, foram anunciados e votados seis novos vice-presidentes para este período.

Os nomes indicados por Durcesio e Vinícius Assumpção, vice-presidente geral, foram aprovados em votação online pelos sócios-beneméritos e grandes beneméritos realizada na própria segunda-feira, antes da cerimônia que oficializou a entrada do novo mandatário do Glorioso.

Além dos novos vice-presidentes, foi anunciado que Mauro Sodré será o presidente do Conselho Deliberativo pelos próximos quatro anos, substituindo Edson Alves Júnior. Durante o discurso de posse, o mandatário afirmou que o Alvinegro precisa ficar unido e que "durante a gestão, a única bandeira que tremulará será a do Botafogo".

Também ficou definido que Durcesio Mello e Vinícius Assumpção acumularão pastas durante a gestão, pelo menos neste primeiro momento. De forma respectiva, o primeiro assumirá como vice-presidente de futebol e o segundo será o VP de finanças.

VP de Esportes Gerais: Daniel Júnior
VP de Remo: Hilário Gouveia
VP Jurídico: Marcelo Barbieri
VP de Social: Thiago Sallibi
VP de Futebol: Durcesio Mello
VP de Finanças: Vinícius Assumpção

De acordo com o Estatuto do Botafogo, o clube deve ter 12 vice-presidentes. A quantidade é considerada exagerada pela chapa Durcesio e Vinícius, que podem entrar com um pedido de diminuição nesta quantidade em até 30 dias junto ao Conselho Deliberativo.