Dudu detalha protocolo sanitário para voltar ao Japão e comemora estreia pelo Machida Zelvia

LANCE!
·2 minuto de leitura


Destaque do Ventforet Kofu (JAP) na última temporada, Dudu veio ao Brasil após o fim dos compromissos no Japão para passar férias. Rapidamente, acertou com o Machida Zelvia (JAP), mas a pandemia por conta da Covid-19 atrasou a chegada do jogador ao novo clube. Foram mais de três meses sem poder entrar no país onde vive desde 2014. O meia-atacante teve que respeitar todo o protocolo criado pelo governo japonês, em conjunto com a J-League. Foram meses para conseguir o visto e mais duas semanas em quarentena até ser liberado para treinar com os novos companheiros.

- Acertei com o Machida Zelvia (JAP) ainda em janeiro. A intenção era chegar para fazer a preparação de pré-temporada junto com os meus novos companheiros. Porém, devido a pandemia no Brasil e no Japão, ficou impossível, por conta dos aeroportos fechados no Japão, além das liberações dos vistos para entrar no país. Acabei ficando no Brasil por mais dois meses, até tudo se regularizar. Embarquei dia 1º de abril e cumpri todo o protocolo do governo japonês e também da J-League. Fui do aeroporto direto para um Centro de Treinamento em Fukushima, onde passei duas semanas de quarentena, com testes de Covid-19 diariamente. Passada essas duas semanas, no dia 18, pude ser apresentado oficialmente e conhecer todos os meus novos companheiros e o clube. Fui muito bem recebido e a adaptação ficou mais fácil - conta Dudu.

A estreia foi rápida. Foram pouco mais de dez minutos em campo na vitória por 1 a 0 sobre o Omiya Ardija. Foi o terceiro triunfo consecutivo do time na J-League 2, que os deixou na quinta colocação, com 17 pontos conquistados. Dudu espera que o time siga nesse embalo para alcançar o tão sonhado acesso no fim da temporada:

- Pude estrear no último fim de semana, contra o Omiya Ardija. Foram pouco menos de dez minutos em campo, mas fiquei muito feliz em voltar a jogar uma partida oficial depois de quatro meses. Vencemos o jogo fora de casa e subimos ainda mais na classificação. Foi nossa terceira vitória consecutiva. Nosso objetivo é conquistar o tão sonhado acesso. Precisamos manter essa boa sequência de resultados, melhorar ainda mais nosso nível técnico e tático para alcançar isso no fim da temporada.