Dorival projeta festa com a torcida do Flamengo e explica queda de rendimento no fim da temporada

Dorival comentou sobre as cobranças pelas más atuações da equipe (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)


O Flamengo empatou com o Juventude em 2 a 2, no Alfredo Jaconi, e está a um compromisso de entrar de férias. Após a partida, Dorival falou sobre o último jogo do Rubro-Negro na temporada, projetou a festa com a torcida no domingo e analisou a queda de rendimento da equipe após os títulos.

O treinador rubro-negro se mostrou bastante animado com a festa. O fim de semana será marcado por celebrações, já que, no sábado, o Flamengo enfrenta o Avaí em jogo que marca as despedidas de Diego Ribas e Alves. Depois, no domingo, passeará pelo Centro do Rio com as taças da Copa do Brasil e da Libertadores.

+ Werton se emociona com primeiro gol pelo Flamengo e dedica à família

- Provavelmente tenhamos dois jogadores titulares, já que temos alguns no departamento médico também e outros de olho nas seleções. Pode ser que tenhamos pelo menos mais dois atletas. A festa é um prêmio ao nosso torcedor, que tira dinheiro de onde não tem para proporcionar espetáculo - disse, antes de completar:

- Esses são aqueles que merecem a confraternização. A festa será maravilhosa, não tenho dúvida que é um momento de extravasar. Foi um ano trabalhoso, de realizações, vivemos todos os sentimentos possíveis. Mais do que ninguém, esses jogadores se entregaram de maneira diferente. Alguns não entendem, nós fazemos o nosso melhor - analisou.

Dorival também explicou algumas razões para a queda de rendimento do Flamengo depois das conquistas. O Rubro-Negro não venceu após o título da Libertadores e, para o treinador, o esforço mental para que os canecos se concretizassem tirou um pouco da força do elenco.

- O torcedor tem razão. Mas é impossível ter essa mobilização depois do nível de exigência emocional do fim da temporada. Quem não entender isso, eu não posso fazer nada, tanto é que tem jogadores que ainda buscam uma recuperação emocional. Quando acontecem momentos que vimos hoje, como a falta de concentração, é natural. Nós vínhamos decidindo fases a todo o momento, o desgaste que esse grupo teve não foram pouca coisa - frisou, antes de prosseguir:

+ Em negociação com o Flamengo, Gerson já tem data para chegar ao Rio de Janeiro


- Para aqueles que sintam desgostosos, eu sinto muito. Estamos fazendo o nosso melhor, os atletas estão entregando o máximo. Depois de sábado passado, tínhamos que fechar a porta para aquele momento, por conta do desgaste. Por isso que a gente pede a CBF que não deixem acumular situações como essa. Queremos definições de copas no primeiro e no segundo semestre, sem isso as equipes que chegam em todas acabam penalizadas - comentou.

O nível de desgaste é totalmente diferente. Eu também queria fazer os melhores resultados possíveis, mas eu seria insensível se tivesse que cobrar alguma coisa da equipe. É impossível cobrir todas as possibilidades de competições tão desgastantes - finalizou.

Como mencionado, o Flamengo volta a campo no sábado, às 16h (de Brasília), para enfrentar o Avaí. Válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o jogo é expectativa de casa cheia e festa da torcida rubro-negra no Maracanã.

VEJA OUTROS PONTOS ABORDADOS NA COLETIVA

Reuniões sobre planejamento para 2023
- Nós não fizemos nenhuma reunião debatendo esse tipo de assunto. Conversas serão depois do fim do campeonato, depois de sábado. É uma posição correta do Flamengo, aguardar esse período de maneira natural. Não tem porque precipitar qualquer situação, a diretoria vai saber avaliar de maneira equilibrada. Eu acho que todas as reuniões são apenas uma sequência daquilo que vinha sendo feito. Sempre corrigimos um assunto ou outro, mas específicos para 2023 ainda não debatemos. Estamos tentando amadurecer todas as condições possíveis para que todos saiam de férias conhecendo o que vai acontecer no ano seguinte.

Ayrton Lucas substituirá Filipe Luís?
O Ayrton é um jogar de excelente nível, vem evoluindo em muitos aspectos. Filipe eu conheço desde os 16 anos, praticamente iniciando no Figueirense na época que estávamos na equipe. As qualidades do Filipe todos nós conhecemos, ele ainda será muito importante para o grupo. Eu acho que a composição do grupo é muito boa. Lógico que um ajuste ou outro será necessário, mas o Flamengo tem uma boa equipe. Unida e focada, é natural que ela se torne muito forte.

João Gomes e Rodinei na pré-lista de Tite
- Merecimento eu acho que eles tiveram para brigarem por uma vaga. O Tite e sua comissão avaliaram o melhor possível. Ele tem que contar com os jogadores que confia. Temos que respeitar toda e qualquer decisão tomada. A expectativa existia, não aconteceu, mas não acho que temos que debater o certo é o errado. Eles continuarão buscando seu espaço, futebol é muito dinâmico. De repente, podemos ter surpresas até o fim dessa fase de treinamentos. Eles tiveram campanhas que chamaram a atenção de todos, não tenho dúvidas que a comissão os observou bem.