Dom Eusébio Scheid morre aos 88 anos com complicações da covid-19

·1 minuto de leitura
Brazilian Cardinal Dom Eusebio Oscar Scheid conducts a special mass in tribute to Pope John Paul II at the Cathedral of Rio de Janeiro, April 3, 2005. The world mourned the late Pope John Paul II on Sunday and thousands of grieving pilgrims converged on Rome to pay homage to the Pole who helped topple Communism in Europe but left a divided Roman Catholic Church. REUTERS/Sergio Moraes  SM
Cardeal Dom Eusébio Scheid fez tributo ao papa João Paulo II, em 2005, no Rio de Janeiro (Foto: REUTERS/Sergio Moraes)

Morreu nesta quarta-feira, 13, o bispo Dom Eusébio Scheid. Aos 88 anos, ele teve complicações decorrentes da Covid-19.

A morte do bispo foi divulgada pela Diocese de São José. Ele estava internado no Hospital São Francisco, em Jacaraí, há alguns dias. Segundo a diocese, ele já tinha pegado uma forte pneumonia. Por causa do coronavírus, não haverá velório ou missa abertos ao público.

Nomeado em 1981, Dom Eusébio Scheid foi o primeiro bispo da Diocese de São José dos Campos. Desde 2001, ele era o arcebispo emérito do Rio de Janeiro.

Leia também

Dom Eusébio Oscar Scheid nasceu em Luzerna, em Santa Catarina, e estudou no Seminários dos Padres do Coração de Jesus, em Corupá. Em mais de 60 anos, passou por outras cidades como Taubaté e Aparecida, além de ter sido conselheiro da Pontifícia Comissão para a América Latina no Vaticano. Ele também integrou a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.