Criptomoeda Dogecoin dispara 460% em uma semana

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Dogecoin. (Foto: Getty Images)
Dogecoin. (Foto: Getty Images)
  • A criptomoeda Dogecoin disparou 460% na última semana.

  • Moeda tornou-se uma das 10 mais valiosas do mundo.

  • Elon Musk é um dos maiores apoiadores da cripto.

Apesar de a maior parte das criptomoedas, inclusive o bitcoin, passarem por um momento de baixa nesta semana, pressionadas pelo banimento na Turquia, entre outros fatores, uma moeda em especial está vivendo um momento de disparada excepcional.

Leia também:

Trata-se da Dogecoin. Lançada em dezembro de 2013, por dois engenheiros de software, como uma alternativa ao bitcoin, ela valorizou mais de 460% na última semana, colocando-a no ranking das 10 mais valiosas do planeta. Ela é atualmente negociada a US$ 0,394. 

Seu valor total de mercado bateu US$ 34 bilhões.

Uma das explicações para a sua valorização vertiginosa é o apoio e os investimentos de ninguém menos que o bilionário sul-africano Elon Musk.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Musk costuma publicar incessantemente em seu perfil no Twitter memes em que declara seu fascínio pela moeda e chegou a dizer que planeja levar uma unidade física da mesma para a lua, em uma viagem de sua empresa SpaceX.

Mas os especialistas alertam que uma valorização tão repentina pode ser também indício de uma bolha. Atualmente, várias moedas alternativas ao bitcoin sofrem também valorizações drásticas, o que poderia apontar para um excesso de capitalização momentâneo no mercado, sujeito a correção.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube