Documentário 'Pelé Eterno' imortalizou trajetória do Rei; Veja como assistir

Documentário 'Pelé Eterno' imortalizou Rei do Futebol nos cinemas - Foto: Divulgação
Documentário 'Pelé Eterno' imortalizou Rei do Futebol nos cinemas - Foto: Divulgação

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, o eterno rei do futebol que morreu nesta quinta-feira (29) aos 82 anos, que teve uma vida e carreira marcada pela genialidade nos gramados, tem um filme intitulado ‘Pelé Eterno’ que conta a sua trajetória de vida. Pelé estava internado havia um mês para tratamento de um câncer no cólon.

No gênero documentário, o filme foi lançado em junho de 2004, através de raras imagens de arquivo e entrevistas, a trajetória de vida do rei do futebol é exibida através de depoimentos de ex-jogadores, amigos e membros de sua família. Seguindo uma ordem cronológica, são exibidos vários de seus gols, principais jogadas e fatos que marcaram sua carreira.

O filme foi dirigido por Aníbal Massaini Neto, que foi amigo do craque desde os anos 1960. Segundo a direção do filme, a produção levou cerca de cinco anos para ser concluída.

O rei do futebol não se limitou em apenas ter a trajetória contada no documentário, de acordo com Aníbal, ele participou ativamente desta produção. O que teria facilitado, de certa forma, este contato entre a produção e Pelé, seria a relação de amizade que eles tinham longe dos holofotes.

Ainda de acordo com o diretor da produção, o documentário na época do lançamento teve um resultado bastante satisfatório dentro e fora do Brasil. Muitos avaliaram na época o filme como uma das melhores produções sobre a vida do rei do futebol, principalmente, por exibir gols e jogadas inéditas de Pelé.

O documentário que tem 2h 01min está disponível para assinantes da Apple TV e Globoplay.

A morte de Pelé

Pelé, morreu nesta quinta-feira (29). O ex-jogador de futebol estava internado em uma das unidades do hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde o fim de novembro deste ano para avaliação da terapia quimioterápica do tumor de colón constatado em setembro de 2021 e acabou sendo diagnosticado com infecção respiratória.

Pelé foi diagnosticado com um tumor no cólon no dia 31 agosto de 2021 após ser internado para exames cardiovasculares e laboratoriais de rotina. Ele passou por uma cirurgia no dia 4 de setembro para retirar a lesão encontrada no cólon direito. No dia 17, dois dias após ir para o quarto, ele precisou voltar para a UTI após apresentar breve instabilidade respiratória e passou ao cuidado semi-intensivo na recuperação da operação abdominal.

Em janeiro de 2022, foram diagnosticados outros três tumores: no intestino, um no fígado e o início de um no pulmão. Em fevereiro, ele voltou aos hospital para mais sessões de quimioterapia.

ADEUS AO REI DO FUTEBOL: