DLC de Streets of Rage 4 vem com personagens pedidos pelos fãs

·5 minuto de leitura
Streets of Rage (Divulgação)

Streets of Rage IV foi lançado em abril de 2020, fez muito sucesso agradando crítica assim como também fãs antigos além de atrair novos jogadores e jogadoras. Dia 15 de julho marca o lançamento de seu DLC (Downloable Content, Conteúdo para Baixar) Mr. X Nightmare (Pesadelo de Mr. X) que traz novos modos, e também personagens muito pedidos pelos fãs: a policial durona Estel Aguirre, o parrudo pro-wrestler Max Thunder e o mestre em artes marciais Shiva.

O jogo está presente nas plataformas PC, Xbox One, Playstation 4 e Nintendo Switch; é uma das principais propriedades intelectuais da gigante japonesa Sega remontando às lembranças de muitos gamers, e foi desenvolvido pelas empresas francesas LizardCube, Dotemu e Guard Crush Games. A franquia é tida como um dos melhores beat-em-ups, gênero chamado no Brasil de “briga de rua”, e também uma das melhores trilhas sonoras.

Leia também:

Para falar sobre a vinda do trio como personagens jogáveis (antes eram chefes de estágios), e as novidades do DLC, Yahoo Brasil conseguiu uma entrevista exclusiva três profissionais franceses que desenvolveram este novo sucesso: o programador da Guard Crush Games Beausoleil Samson-Guillemette, o programador principal da Guard Crush Games Cyrille Lagarigue e o game designer da Dotemu Jordi Asensio.

Yahoo Brasil: Como foi o processo de decisão para definir quem seriam os três personagens jogáveis do DLC?

Beausoleil Samson-Guillemette: Logo no início no projeto queríamos ter estes três como personagens a serem liberados com a passagem da história, assim como Adam. Mas a realidade bateu em nossas caras e tivemos de conter nossas ambições. Brincamos que os colocaríamos em um DLC. Até que vimos como a comunidade gostou deles! Era evidente, então, que se feito o DLC, eles teriam de ser parte dele!

Jordi Asensio: Max tinha de estar no jogo, nós até substituímos o chefe original da nona fase por ele porque queríamos Max de alguma forma no jogo. É apenas justo e, assim, pudemos fazer seu repertório de movimentos completo para o DLC.

Yahoo Brasil: O que diferencia Shiva, Max e Estel de outros personagens jogáveis?

Jordi Asensio: Ao lançar Streets of Rage 4 nós queríamos nos manter fiéis aos jogos originais, então tivemos muito cuidado ao adicionar novidades ao gameplay dos personagens. Portanto, criar novidades para os personagens do DLC é uma oportunidade de buscar aspectos diferentes e ir além do que as pessoas já conhecem.

Por exemplo, Estel tem um estilo bem direto e bate pesado, e ela pode até mesmo atirar granadas. Shiva tem como forte seus combos, principalmente os aéreos no estilo dos jogos Marvel vs. Capcom. Para a lista de movimentos alternativos de Shiva, me inspirei para seu ataque especial como chefe de Streets of Rage 4, e também pela personagem Chizuru (Kagura) dos jogos King of Fighters (SNK). Pude criar muitas técnicas baseadas na criação de clones. Claro que Max é um grappler (luta agarrando), ele era lento no Streets of Rage 2, mas jogadores experientes podem ser bem rápidos com ele, então precisei lembrar disto enquanto o adaptei ao novo sistema de jogo. E com a lista alternativa de movimentos nós tentamos coisas novas com todos os personagens originais (os do lançamento do jogo). Sendo assim, eu creio que os jogadores vão se divertir muito com os novos golpes e combinações de ataques que se encaixem com cada personagem.

Yahoo Brasil: Vocês adicionaram novas armas, itens e modos assim como também faixas de trilha sonora. Como foi desenvolver estas adições?

Beausoleil Samson-Guillemette: Foi tudo muito orgânico. Ao trabalhar com muitas atualizações, não tínhamos nenhuma pressão para consertar as coisas. Apenas precisamos trabalhar com base naquilo que já tínhamos. Por exemplo, o Survival Mode (Modo Sobrevivência), foi simples no início! Mas então ideias levaram para outros lugares e você tem praticamente um outro jogo completo!

Cyrille Lagarigue: Para os modos Training (Treinamento) e Survival nós queríamos tê-los no lançamento do jogo, mas precisamos cortá-los por conta do prazo, e também por querer concentrar nossos esforços na campanha (história) principal. Colocá-los no DLC nos permitiu trabalha-los ainda mais do que podíamos ter feito antes, tornando assim, o Survival algo como um conteúdo extra, além de fazer um Free Training mode no qual o jogador o customiza, e um grupo de ensinamentos no training que ajudam a melhorar todos jogadores.

Quanto à música digo que foi ótimo trabalhar com Tee Lopes, creio que ele compôs as faixas que se encaixaram extremamente bem com o ritmo e emoção do Survival Mode, e tem o ótimo trabalho de complementação de Olivier Derivière (compositor do jogo básico) e todos os convidados que trouxe para o game principal. É diferente, remonta aos jogos originais, e se encaixa muito bem com o resto do jogo.

Yahoo Brasil: Há também outros personagens populares da franquia como Skate, Dr. Zan, Roo e Ash. Acreditam na possibilidade de eles aparecerem num DLC futuro ou até mesmo trazer como jogáveis personagens completamente novos?

Beausoleil Samson-Guillemette: Acho incrível como cada personagem, por menor que seja sua participação, possa ser o favorito de todos os tempos de uma pessoa! Ao menos, temos a maioria deles em sua forma original ou em um cameo (breve menção ou participação). Além disto, somando os personagens do DLC, temos 20 personagens. Nada mal para um beat’em up!

Yahoo Brasil: Streets of Rage 4 foi bem recebido pela crítica e fãs. Vocês esperavam este retorno?

Jordi Asensio: Eu realmente não sabia o que esperar. É uma franquia muito popular, mas também bem antiga. Tentamos agradar gamers antigos assim como também torná-lo interessante para os novos. A comunidade SoR realmente nos ajudou com um forte feedback, então creio mesmo que fizemos nosso tour de force e sou bem grato por tudo que os jogadores que nos deram uma chance com este jogo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos