Djokovic-Dimitrov e Nadal-Shapovalov, as semifinais em Paris-Bercy

AFP

O sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo e o espanhol Rafael Nadal, número 2, se classificaram nesta sexta-feira para as semifinais do Masters 1000 de Paris-Bercy, onde vão enfrentar respectivamente o búlgaro Grigor Dimitrov (27º) e o canadense Denis Shapovalov (28º).

Nadal fechou as quartas de final com uma vitória de 2 sets a 0, parciais de 7-6 (7/4) e 6-1 sobre o francês Jo-Wilfried Tsonga (35º), que há um ano caiu para o 250º lugar no ranking mundial e que garantiu sua subida ao 29º posto após sua boa semana em Bercy.

O espanhol, que volta ao circuito esta semana após uma pausa depois de ganhar o título no Aberto dos Estados Unidos, está a duas vitórias de conseguir o que seria seu primeiro título em París-Bercy, um torneio que sempre escapa de suas mãos e que quase conquistou quando disputou sua única final (derrota em 2007 diante do argentino David Nalbandian).

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O adversário de Nadal nas semifinais será o jovem canadense Denis Shapovalov, que venceu com um duplo 6-2 o francês Gaël Monfils (13º), a quem deixou sem chances de se classificar para o ATP Finals de Londres, que começa no dia 10 de novembro.

A última vaga ficou com o italiano Matteo Berrettini, nono do ranking mundial que perdeu na quarta-feira na segunda rodada para Tsonga, mas foi beneficiado pela derrota desta sexta de Monfils.

Djokovic vai perder na segunda-feira, aconteça o que acontecer neste fim de semana na capital francesa, a posição de número 1 do mundo para Nadal, mas ele mantém as chances de acabar 2019 no topo do ranking.

'Nole', quatro vezes campeão em Bercy, parece já recuperado dos problemas de saúde que o prejudicaram no início da semana.

Tsitsipas, de 21 anos, que jogava suas primeiras quartas de final neste torneio, dominava por 2 vitórias a 1 em seus duelos anteriores com Djokovic, mas desta vez não teve chances.

O grego foi totalmente dominado desde o primeiro minuto e Djokovic logo abriu uma vantagem de 5-0 a seu favor, deixando claro que o resto da partida não seria muito diferente.

No sábado, o astro sérvio vai enfrentar Dimitrov, que derrotou por 6-2 e 7-5 o chileno Christian Garín (42º).

Para o búlgaro de 28 anos será sua sexta semifinal em um Masters 1000.

Sua campanha em Paris vai fazer com que passe a integrar na segunda-feira o Top-20 do tênis mundial.

O Masters 1000 de Paris é disputado sobre quadra dura e divide 5.200.000 euros em prêmios.

Resultados do Masters 1000 de Paris-Bercy - Simples masculino (quartas de final):

Novak Djokovic (SRB/N.1) x Stefanos Tsitsipas (GRE/N.7) 6-1, 6-2

Grigor Dimitrov (BUL) x Christian Garín (CHI) 6-2, 7-5

Denis Shapovalov (CAN) x Gael Monfils (FRA/N.13) 6-2, 6-2

Rafael Nadal (ESP/N.2) x Jo-Wilfried Tsonga (FRA) 7-6 (7/4), 6-1

./bds/iga-dr/aam

Leia também