Djokovic diz que quer ser treinador quando encerrar carreira

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Novak Djokovic comemora vitória na final do Master 1000 de Paris
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Zoran Milosavljevic

BELGRADO (Reuters) - Novak Djokovic planeja se tornar treinador de tênis quando encerrar sua carreira de jogador, e não tem nenhuma intenção de levar seu conhecimento "para o túmulo", disse o número um do mundo à mídia sérvia depois de conquistar o título do Masters 1000 de Paris no domingo.

Djokovic quebrou um recorde com seu 37º troféu de Masters e seu sexto em Paris com uma vitória de 4-6, 6-3 e 6-3 sobre o russo e número dois do ranking Daniil Medvedev, que conquistou seu primeiro Grand Slam ao derrotar o sérvio na final do Aberto dos Estados Unidos em setembro.

Já com a certeza de terminar a temporada no topo do ranking pela sétima vez, outro recorde, Djokovic também cobriu Medvedev de elogios e acredita que o russo de 25 anos um dia o sucederá na liderança.

"Ele é, sem dúvida, um dos melhores jogadores do mundo no momento, e se continuar saudável vencerá muitos outros torneios de Grand Slam", disse o tenista de 34 anos em Belgrado.

"Eu mal teria trabalho a fazer se fosse treiná-lo. Ele provavelmente é meu maior rival no momento, e está muito perto de se tornar o número um do mundo. Ele é o líder de uma nova geração, e seu jogo não tem fraquezas", afirmou.

Djokovic está empatado com seus colegas Roger Federer e Rafael Nadal ao acumular 20 títulos de Grand Slams, e enfatizou que está ansioso para cuidar de novos talentos quando pendurar a raquete.

"Tento passar para as próximas gerações tudo que aprendo. O conhecimento pode ser uma maldição se você não o utiliza", afirmou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos