Djokovic brilha em retorno ao Australian Open e vence a 22ª seguida

Tennis Australia


Em seu retorno ao Australian Open após o ano passado sendo deportado, Novak Djokovic veio com tudo e deu show na primeira rodada do primeiro Grand Slam da temporada, disputado em Melbourne Park.


O sérvio atual quinto do mundo precisou de 2h02min para bater o espanhol Roberto Baena, 74º colocado, por 3 sets a 0 com parciais de 6/3 6/4 6/0 na quadra central Rod Laver Arena fechada por conta da chuva.

Esta é a 22ª vitória seguida do sérvio no torneio que tem maior sucesso com nove títulos. Ele não sabe o que é perder desde 2018 quando caiu nas oitavas de final diante do sul-coreano Hyeon Chung. Em torneios na Austrália em acumula 35 vitórias consecutivas.

O sérvio aguarda adversário que sai do jogo entre o boliviano Hugo Dellien e o qualifier francês Enzo Couacaud, partida adiada por conta da chuva.

Ele ficou de fora ano passado por não ter se vacinado e ser impedido de entrar no país. Chegou a treinar um dia no complexo, mas foi retido a seguir e mandado de volta para casa após dias polêmicos e até de prisão.

Nesta volta ele foi recebido com carinho pelo público na quadra central e correspondeu à altura. Foi firme no primeiro set, alguns altos e baixos no segundo e um segundo set onde passou como um trator pelo adversário sem perder nenhum game para concluir o triunfo.

São 91 partidas no torneio e agora 83 vitórias e somente oito derrotas. Nole tem títulos em 2008, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016, 2019, 2020 e 2021.