Djokovic avança na chave de simples e vence brasileiros nas duplas mistas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Novak Djokovic durante partida na Olimpíada de Tóquio 2020
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Rozanna Latiff e Sudipto Ganguly

TÓQUIO (Reuters) - Novak Djokovic deu mais um passo rumo a um histórico Golden Slam nesta quarta-feira, avançando para as quartas de final de simples na Tóquio 2020, enquanto outros competidores reclamaram das condições de calor e umidade.

Nas duplas mistas, Djokovic e Nina Stojanovic venceram a dupla brasileira formada por Marcelo Melo e Luisa Stefani por 2 sets a 0, parciais de 6-3 e 6-4, pela primeira rodada.

Pela chave de simples, os finalistas do Aberto da França Stefanos Tsitsipas e Anastasia Pavlyuchenkova foram eliminados, enquanto o número dois do mundo Daniil Medvedev sofreu para respirar durante sua vitória por 6-2, 3-6 e 6-2 sobre o italiano Fabio Fognini na terceira rodada.

Medvedev, que compete pela equipe do Comitê Olímpico Russo (ROC), estava vencendo por 5-2 no primeiro set quando solicitou um tempo médico.

"Desde o primeiro set, não me senti bem com a respiração", disse o jogador de 25 anos, que vai enfrentar o espanhol Pablo Carreño Busta. "É por isso que chamei o fisioterapeuta, senti como se meu diafragma estivesse bloqueado."

Já Djokovic obteve uma vitória confortável por 6-3 e 6-1 sobre o espanhol Alejandro Davidovich Fokina.

O sérvio de 34 anos, que almeja se tornar o primeiro homem a ganhar os quatro títulos de Grand Slam e o ouro olímpico no mesmo ano, enfrentará o japonês Kei Nishikori, que superou Ilya Ivashka, de Belarus, por 7-6 e 6-0.

(Reportagem de Rozanna Latiff)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447702))

REUTERS TR ES

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos