Djokovic atropela Wawrinka e avança às quartas de final de Roma

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
O tenista alemão Alexander Zverev devolve uma bola para o australiano Alex de Minaur na partida das oitavas de final do torneio em Roma em 12 de maio de 2022 (AFP/Tiziana Fabi) (Tiziana Fabi)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Novak Djokovic, número 1 do mundo, não teve piedade do suíço Stan Wawrinka, ex-número 3 que tenta retornar ao circuito após um ano e meio de lesões, derrotando-o por 6-2 e 6-2 para chegar às quartas de final do Masters 1000 de Roma.

Nos dois sets, Djokovic quebrou o saque do suíço de 37 anos desde o início e ficou em vantagem, embora no segundo set tenha tido mais dificuldade, já que Wawrinka jogou melhor, obrigando o sérvio a executar vários lances de grande categoria.

Desta forma, Djokovic pode manter sua preparação para Roland Garros (22 de maio a 5 de junho), onde defenderá o título obtido no ano passado.

Depois de um início de temporada difícil, em que não pôde jogar na Austrália e nos Estados Unidos por não estar vacinado contra a covid-19, Djokovic tem feito uma campanha irregular no saibro, com eliminação antecipada em Monte Carlo, semifinal em Madri e a final em Belgrado.

Na sexta-feira ele enfrentará o canadense Félix Auger-Aliassime (9º), que derrotou o americano Marcos Giron, carrasco na quarta-feira do argentino Diego Schwartzman. Em caso de derrota, Djokovic cederá o número 1 do mundo para Daniil Medvedev, apesar do russo estar ausente em Roma.

Outros favoritos como o alemão Alexander Zverev, número 3 do mundo, e o grego Stefanos Tsitsipas (5º), também avançaram para as quartas de final.

Zverev, de 25 anos, conquistou sua 100ª vitória no Masters 1000 em Roma, derrotando o australiano Alex de Miñaur por 6-3 e 7-6 (7/5) nas oitavas de final e enfrentará nas quartas de final o chileno Christian Garín (45º), que alcançou uma grande vitória sobre o veterano croata Marin Cilic (23º) com parciais de 6-3, 4-6 e 6-4.

Zverev conquistou o primeiro grande título de sua carreira em Roma em 2017, derrotando Novak Djokovic na final. No ano seguinte, perdeu a final para Rafael Nadal, para quem voltaria a perder nas quartas de final no ano passado.

Por sua vez, Tsitsipas perdeu o primeiro set por 4-6 para o russo Karen Khachanov (24º), mas voou os dois sets seguintes por 6-0 e 6-3, garantindo assim a passagem para as quartas de final, onde enfrentará Jannik Sinner (13º).

No feminino, a polonesa Iga Swiatek, número 1 do mundo, derrotou a bielorrussa Victoria Azarenka (16ª) por 6-4 e 6-1, e avança para as quartas de final.

Com esta vitória, depois de um primeiro set muito difícil para a polonesa, Swiatek amplia sua série de vitórias para 25 e busca seu quinto título consecutivo, poucas semanas antes do início de Roland Garros.

--- Resultados da jornada do torneio de Roma:

. Simples masculino - Oitavas de final:

Novak Djokovic (SRB/N.1) x Stanislas Wawrinka (SUI) 6-2, 6-2

Felix Auger-Aliassime (CAN/N.8) x Marcos Giron (EUA) 6-3, 6-2

Jannik Sinner (ITA/N.10) x Filip Krajinovic (SRB) 6-2, 7-6 (8/6)

Stefanos Tsitsipas (GRE/N.4) x Karen Khachanov (RUS) 4-6, 6-0, 6-3

Cristian Garín (CHI) x Marin Cilic (CRO) 6-3, 4-6, 6-4

Alexander Zverev (ALE/N.2) x Alex De Miñaur (AUS) 6-3, 7-6 (7/5)

. Simples feminino (3ª fase):

Iga Swiatek (POL/N.1) x Victoria Azarenka (BLR/N.16) 6-4, 6-1

Bianca Andreescu (CAN) x Petra Martic (CRO) 6-4, 6-4

Aryna Sabalenka (BLR/N.3) x Jessica Pegula (EUA/N.13) 6-1, 6-4

Amanda Anisimova (EUA) x Danielle Collins (EUA/N.7) 6-2, 6-2

Jil Teichmann (SUI) x Elena Rybakina (CAZ) 6-7 (3/7), 6-3, 7-5

./bds/ig/dam/iga/mcd/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos