Djokovic vence a 25ª seguida no Australian Open e encara Rublev nas quartas


Novak Djokovic deixou os problemas na perna de lado nesta segunda-feira e não tomou conhecimento do tenista da casa, Alex de Minaur, 24º colocado, para garantir vaga nas quartas de final do Australian Open.

O sérvio número cinco do mundo marcou 3 sets a 0 com contundentes 6/2, 6/1 e 6/2 após 2h06 de duração no primeiro jogo da rodada noturna da Rod Laver Arena.


Nole alcança sua 25ª vitória seguida no torneio, onde não perde desde as oitavas de 2018 quando caiu para o sul-coreano Hyeon Chung. Desde 2019 ele levanta o troféu, exceto em 2022 quando foi impedido de jogar ao ser deportado por não tomar a vacina. O sérvio persegue seu 10º título no Grand Slam onde é o recordista.

Seu rival de quartas de final será o russo Andrey Rublev, sexto do mundo, que salvou dois match-points para derrotar o dinamarquês Holger Rune, 10º. São três jogos entre os dois, duas vitórias fáceis de Djokovic no piso duro e uma de Rublev no saibro em Belgrado. O russo jamais passou das quartas de final de um Grand Slam. Nole jogará pela 13ª vez as quartas em Melbourne.

Nem mesmo a torcida a favor do australiano foi capaz de fazer a diferença. Ele tentou fazer o jogo físico nas trocas para dificultar o sérvio, mas acabava não aguentando o volume do rival. Nole quebrou pela primeira vez no sexto game, abriu 4 a 2 e tornou a quebrar logo a seguir para fechar a primeira parcial.

Djokovic e Alex De Minaur
Djokovic e Alex De Minaur

Djokovic e Alex De Minaur se cumprimentam (WILLIAM WEST / AFP)


No segundo set a quebra inicial veio no segundo game, depois no quarto. Ele marcou 5 a 0 e De Minaur fez seu único game logo a seguir para evitar o pneu.

No terceiro, Djokovic também saiu quebrando. De Minaur impôs dificuldades a seguir com 0/30, igualdade, mas ficou nisso. Djokovic ampliou para 4 a 0 e fechou sem dificuldades com bom serviço.