Djokovic agradece manifestações de apoio após ser barrado na Austrália

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O sérvio Novak Djokovic, barrado de entrar na Austrália por não cumprir com os requisitos sanitários de acesso ao país, publicou nesta sexta-feira (7) uma mensagem de agradecimento aos fãs pelas manifestações de apoio que tem recebido.

O tenista, número 1 do mundo e atual campeão do Australian Open, utilizou os Stories do Instagram para agradecer o suporte.

"Obrigado às pessoas de todo o mundo pelo apoio contínuo. Posso senti-lo e ele é muito apreciado", afirmou Djokovic.

O sérvio possui 9,8 milhões de seguidores no Instagram. Sua última foto na rede social, publicada há três dias, mostra Djokovic com a bagagem que levou à Austrália para a disputa do Australian Open. A imagem é acompanhada por uma mensagem de "Feliz Ano Novo".

Atualmente, o tenista está com o seu visto cancelado e detido num hotel de quarentena em Melbourne, onde deve permanecer até segunda-feira (10), data marcada para o julgamento que determinará se ele poderá entrar no país ou se será deportado.

O Grand Slam australiano, vencido pelo sérvio nove vezes, começa na próxima semana, com os classificatórios. As chaves principais terão início no dia 17.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos