Djokovic adota abordagem "dia após dia" para lidar com problema na coxa

Djokovic derrota Couacaud no Aberto da Austrália

MELBOURNE (Reuters) - Novak Djokovic disse que está lidando com as coisas um dia de cada vez, conforme procura controlar uma lesão no tendão da coxa que o prejudicou durante sua vitória por 6-1, 6-7(5), 6-2, e 6-0 contra o francês Enzo Couacaud nesta quinta-feira.

Djokovic teve uma extensão em seu tendão esquerdo durante um evento de preparação em Adelaide no início deste mês.

O jogador de 35 anos teve sua coxa enfaixada nas partidas subsequentes e teve um tempo médico quando o placar estava empatado em 4-4 no segundo set, antes de sua vitória, para receber tratamento e ter a cinta trocada.

O sérvio está acostumado a lidar com lesões em Melbourne Park, tendo sofrido uma lesão muscular dolorosa no abdômen a caminho de conquistar seu nono título do Aberto da Austrália em 2021.

Quando questionado se poderia jogar mais cinco partidas com a lesão, Djokovic disse aos repórteres: "Há duas opções: sair (do torneio) ou continuar. Então vou continuar...", afirmou.

"Sei que as partidas só vão ficar mais difíceis para mim a partir daqui. Dois anos atrás, passei por circunstâncias semelhantes aqui na Austrália com um músculo diferente, quando tive uma ruptura e tive que lidar com isso. De alguma forma, forcei e ganhei o torneio."

"Mas agora é diferente, obviamente. Não sei como meu corpo vai reagir. Espero o melhor. Espero o resultado positivo. Vou levar isso dia após dia, jogo a jogo, e ver como vai."

(Reportagem de Aadi Nair em Nashik, Índia)