Djokovic é superado por Kyrgios e cai nas quartas em Acapulco

Novak Djokovic, atual número 2 do mundo, segue sem embalar uma sequência de vitórias em 2017. O sérvio foi eliminado nas quartas de final do ATP 500 de Acapulco, no México, após ser superado pelo australiano Nick Kyrgios (17º do ranking), que venceu em sets diretos, com parciais de 7/6 (11-9) e 7/5.

O primeiro set foi intenso, e os dois tenistas duelaram a cada ponto. A única chance de quebra de serviço foi conseguida por Djokovic, mas o sérvio não aproveitou a vantagem. Com o empate, a decisão foi ao tie-break e, após desperdiçar quatro sets points, Kyrgios fechou a parcial na quinta oportunidade.

No segundo set, os tenistas seguiram sem dar chances em seus games de serviço. Porém, no 12º, Novak foi surpreendido pelo australiano que, sem ceder pontos ao sérvio, abriu 0/40 e liquidou a partida no primeiro match point.

Um dos pontos decisivos para a vitória de Nick, além da pela performance diante do número 2 do mundo, foi seu saque potente. Durante o confronto, Kyrgios disparou 25 aces, sendo 16 no primeiro set e nove no segundo. Além disso, o australiano, muitas vezes lembrado por atitudes polêmicas em quadra, fez uma partida quase perfeita, com 41 winners e apenas 14 erros não forçados, dando poucas chances a Djoko.

Na semifinal, Kyrgios enfrenta o norte-americano Sam Querrey (40º), que eliminou o cabeça de chave 4 do torneio, o austríaco Dominic Thiem (9º), por 6/1 e 7/5.