Bayern vence e abre 7 pontos na liderança; Dortmund goleia Leverkusen

Berlim, 4 mar (EFE).- O Bayern de Munique deu neste sábado mais um passo rumo a um inédito pentacampeonato alemão ao vencer o Colônia por 3 a 0 no estádio RheinEnergie e abrir sete pontos na liderança, já que contou com um tropeço do RB Leipzig, enquanto o Borussia Dortmund atropelou o Bayer Leverkusen no Signal Iduna Park.

Após ter disputado 23 de seus 34 jogos no torneio, o Bayern já soma 56 pontos, contra 49 do Leipzig, que na sexta-feira abriu a rodada empatando com o Augsburg em 2 a 2, também fora de casa.

Já o Colônia perdeu a chance de entrar na zona de classificação para a próxima Liga Europa, se mantendo em sétimo lugar, com 33 pontos, dois a menos que o Eintracht Frankfurt, dono da sexta posição e que neste domingo receberá o Freiburg.

O time bávaro se colocou à frente no placar aos 26 minutos do primeiro tempo, quando Vidal mandou a bola para a área pela direita e Martínez bateu firme. Logo aos três minutos da segunda etapa, Müller tocou e Bernat fez 2 a 0.

Pouco depois, aos sete minutos, houve um susto para o Bayern e a seleção brasileira. O meia Douglas Costa sentiu e pediu para ser substituído, dando lugar a Ribéry. Ele ainda passará por exames, mas, através das redes sociais, tentou tranquilizar a todos ao dizer que está "pronto para outra".

E foi justamente de Ribéry o terceiro gol dos visitantes, marcado aos 45. Bernat agora atacou de garçom e tocou da esquerda até o meio para o francês, que chegou batendo e superou o goleiro.

Além de Douglas Costa, o outro brasileiro do elenco, o lateral-direito Rafinha, também esteve em campo. O camisa 13 substituiu Coman nos instantes finais.

O melhor ataque do campeonato é o do Bayern, com 57 gols marcados, mas o mais eficiente da 23ª rodada foi o do Dortmund, que deixou logo seis nas redes do Leverkusen. Dembelé, aos seis minutos de partida, e Aubameyang, aos 26, fizeram 2 a 0, placar do intervalo.

No segundo tempo, porém, houve chuva de gols. O Bayer esboçou uma reação, com Volland, que diminuiu logo aos três minutos. O confronto continuou com relativo equilíbrio, já que os 'Aurinegros' assinalaram o terceiro, de novo com 'Auba', aos 24, e Wendell voltou a reduzir a diferença com bonito gol de falta, aos 29.

A partir de então, só deu Dortmund, que construiu o placar elástico fazendo outros três, com Pulisic, Schürrle, de pênalti, e Guerreiro.

A goleada manteve o time do técnico Thomas Tuchel em terceiro lugar, com 43 pontos, enquanto o Leverkusen é oitavo, com 30. Em quarto, com 41, o Hoffenheim também protagonizou uma partida com muitos gols ao bater o Ingolstadt 04, vice-lanterna, por 5 a 2.

A rede também balançou muitas vezes, seis, no Borussia Park, onde o Mönchengladbach derrotou o Schalke 04 por 4 a 2. Um dos gols do jogo foi do brasileiro Raffael, a favor da equipe anfitriã. EFE