Dirigente quer Premier League todo dia na TV após crise do coronavírus

Goal.com

Com a suspensão da Premier League até o dia 30 de abril devido ao combate ao Coronavírus, os clubes ingleses começam a se movimentar já pensando no retorno das atividades.

O diretor-executivo do Southampton, Martin Semmens, pediu o retorno da competição o quanto antes e sugeriu que os jogos sejam transmitidos todos os dias pela televisão inglesa. 

"Temos que fazer o que é certo e seguro para o público em geral. Quando todo mundo está seguro e não estamos gastando recursos do NHS e da polícia, o governo gostaria que voltássemos a jogar porque somos entretenimento e um sinal de que o país está voltando ao normal", disse em entrevista à BBC Radio Solent.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio
DANNY INGS NATHAN REDMOND SOUTHAMPTON FA CUP 05022020
DANNY INGS NATHAN REDMOND SOUTHAMPTON FA CUP 05022020

(Foto: Getty Images)

"Se as pessoas estão em casa por mais um mês e o futebol da Premier League está na TV todos os dias, isso só pode ser uma coisa boa. Não porque somos mais essenciais, mas porque podemos dar às pessoas entretenimento e mostrar que estamos revidando", completou.

Na Inglaterra, a expectitiva é que a temporada 2019-20 termine até junho, e o cartola destacou a importância de que esse prazo seja cumprido.

"Esperamos concluir a liga até o final de junho. Assim que você passar dessa data, haverá desafios legais.Se nós terminássemos jogando até 15 de julho e você tivesse que estender o contrato de um jogador por duas semanas, convencendo-o a jogar mais duas semanas de futebol e ser bem pago por isso - não acredito que seja um desafio substancial", explicou.

"O desafio é garantir que não tenhamos um efeito indireto em outras temporadas e comprometer o futebol nos próximos anos", concluiu.

Leia também