Dirigente do Inter ataca arbitragem após derrota: “Gaciba c*** regra pra quê”?

Vice presidente de futebol do Internacional, Roberto Melo não escondeu a insatisfação com a atuação do árbitro Luiz Flávio de Oliveira na derrota por 3 a 1 para o Flamengo, nesta quarta-feira (25), pela 21ª rodada do Brasileirão.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

“O que eu queria falar é muito mais do que eu posso. O que aconteceu aqui foi uma vergonha”, disse o dirigente, que não poupou críticas a Leonardo Gaciba, atual chefe de arbitragem da CBF.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

“Gaciba é espalhafatoso. Enquanto ele estiver na CBF, eu não pretendo ir. Hoje, não precisava ter tido despesa com VAR aqui (...) Ele faz palestra, se filma, caga regra para que? Enquanto o Gaciba estiver lá não vamos mais na CBF”, completou.

O juiz expulsou dois jogadores do Inter: Bruno, lateral, após pênalti cometido em Gabigol, e depois Paolo Guerrero, que deixou o campo com o rosto sangrando após disputa com o zagueiro Rodrigo Caio. Minutos antes, muitos viram pênalti do defensor rubro-negro no peruano, em jogada parecida à apitada a favor do time da casa.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter

Leia também