Diretoria do Flamengo e Renato Gaúcho se reúnem no Rio e se aproximam de acerto

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
PORTO ALEGRE, BRAZIL - SEPTEMBER 23: Renato Portaluppi head coach of Gremio gestures prior to a group E match of Copa CONMEBOL Libertadores 2020 between Internacional and Gremio at Beira-Rio Stadium on September 23, 2020 in Porto Alegre, Brazil. All games of the tournament are played behind closed doors to avoid spread of COVID-19. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images)
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A negociação entre Flamengo e Renato Gaúcho caminha para um final feliz ainda neste sábado. Após curtir a manhã na praia de Ipanema, o treinador se reuniu com seu empresário e dirigentes do clube rubro-negro para tratar sobre os detalhes do contrato, e as partes estão próximas de chegar a um acordo. De acordo com o portal "ge", faltam apenas questões burocráticas para o vínculo ser assinado.

A pressa do Flamengo em definir o substituto de Rogério Ceni se explica pela proximidade das oitavas de final da Libertadores. A ideia dos dirigentes é que Renato viaje com a delegação para a Argentina na segunda-feira e já comande a equipe no duelo com o Defensa y Justicia, na quarta-feira.

Leia também:

De acordo com a reportagem, o Flamengo ofereceu a Renato Gaúcho um contrato curto, até o fim de 2021, mas com renovação automática em caso de reeleição de Landim. O salário proposto é maior do que o de Ceni (cerca de R$ 400 mil), mas consideravelmente menor que o R$ 1 milhão que Portaluppi recebia no Grêmio. Se renovar, o técnico teria um reajuste no valor. O clube também incluiu na oferta grandes premiações em caso de títulos.

Apesar de certa resistência interna e de parte da torcida, o nome de Renato Gaúcho ganhou força pela viabilidade - tanto financeira quanto logística. Um treinador estrangeiro, perfil bem avaliado pela diretoria, seria mais custoso e poderia levar mais tempo para se adaptar ao futebol brasileiro.

Livre no mercado desde que deixou o Grêmio em abril, Renato Gaúcho já declarou diversas vezes a vontade de treinar o Flamengo. Com um jeito polêmico, o treinador não é unanimidade, mas é o favorito para assumir o Rubro-Negro diante do calendário apertado e do cenário financeiro atual.

Com 12 pontos e dois jogos a menos, o Flamengo ocupa a décima primeira posição na tabela do Campeonato Brasileiro. Sob comando de Maurício Souza, a equipe enfrenta a Chapecoense neste domingo, às 18h15 (de Brasília), no Maracanã. O LANCE! acompanha a partida em Tempo Real.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos