Diretor promete melhora na estrutura do São Paulo após fala de Crespo sobre alto número de lesões

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O São Paulo vive com diversas lesões nesta temporada, o que compromete a montagem de uma equipe ideal para o técnico Hernán Crespo. Após a lesão do zagueiro Arboleda, que não jogou na vitória sobre o Sport, por 1 a 0, na Ilha do Retiro, o treinador desabafou.

- É uma situação com a qual devemos conviver. Sabemos que se chegamos a 33 lesões na temporada as coisas não vão bem, mas estamos em um período de reconstrução de tudo. Seguramente vão ser tomadas decisões no futuro para melhorar, construir, não somente a nível técnico, mas a nível de estrutura - disse Crespo, na entrevista coletiva.

A fala repercutiu na torcida, que também vem reclamando das repetidas lesões e a demora para a recuperação dos jogadores. Em um questionamento nas redes sociais, o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, afirmou que irá melhorar as estruturas do clube, mas admitiu dificuldade na missão.

- Sem dúvida iremos melhorar. Estamos buscando recursos e parceiros. Não é tarefa fácil, mas faremos. Ficamos anos sem investimento, portanto agora tudo é mais difícil. Mas vamos fazer - escreveu o diretor.

O São Paulo já chegou a 33 lesões de jogadores e é o clube da Série A do Brasileirão com mais jogadores machucados na temporada. Além do agora machucado Arboleda, estão no departamento médico: o lateral-esquerdo Welington, o volante William e o atacante Marquinhos.

Crespo
Crespo

Crespo reclamou de lesões no clube (Foto: Staff Images/CONMEBOL)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos