Diniz comenta situação de John Kennedy e afirma que quer ajudá-lo para além do futebol: 'Grande talento'

Diniz comentou o caso após o jogo entre Fluminense e Athletico-PR (Marcelo Gonçalves/Fluminense FC)


Após a vitória do Fluminense sobre o Athletico-PR, pela sexta rodada do Brasileirão, Fernando Diniz comentou a situação de John Kennedy. Em recuperação após lesão no pé direito, o atleta foi autuado pela polícia recentemente por emprestar o carro para um amigo, que não tinha habilitação e portava drogas. O técnico tricolor disse que já falou com o Moleque de Xerém e que fará de tudo para ajudar o jovem a se reabilitar.

- Já conversei com ele duas vezes. E da minha parte vou fazer o máximo que puder por ele. É um grande talento e mais um daqueles jogadores, que, por trás, tem uma história de vida que, no futebol, ao invés da gente acolher a pessoa como um todo, a gente acolhe só o jogador. Essa é uma falha gigantesca que tem no futebol brasileiro.

Veja a classificação da Série A do Brasileirão

Diniz ainda disse que o casos como o de John Kennedy não são raros no futebol. O técnico afirmou que deseja ver o jogador se firmar no esporte e colher os frutos de boas escolhas.

- A gente já perdeu muitos John Kennedys por aí e continua perdendo. Eu vou fazer de tudo para ajudá-lo para ele poder ter uma vida digna no futebol. Principalmente quando parar, para que ele viva daquilo que construiu no futebol. Essa é a minha intenção com ele.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos