Diniz admite que São Paulo sentiu o gol do Flu: 'Deu uma desestabilizada'

Fernando Diniz lamentou o empate no fim - Rubens Chiri / saopaulofc.net
Fernando Diniz lamentou o empate no fim - Rubens Chiri / saopaulofc.net


Após a derrota do São Paulo por 2 a 0 para o Fluminense, Fernando Diniz reconheceu a má atuação de sua equipe, principalmente no segundo tempo. Em entrevista coletiva, o técnico do Tricolor afirmou que o time 'deu uma desestabilizada' após o gol adversário.

Confira e simule a tabela do Brasileirão

- A gente tomou gol e estávamos fazendo uma partida dentro do planejado. Eles não tinham passado do meio-campo. Tomamos o gol que surgiu de uma falta desnecessária. Aí o time deu uma desestabilizada. No segundo, ainda mais. No segundo tempo eles baixaram as linhas, aí faltou para nós criatividade, mobilidade e criatividade. Depois que tomamos o gol, concordo que foi a pior partida sob o meu comando - disse o treinador.

Apesar do deserto de ideias que foi o jogo do São Paulo, principalmente no segundo tempo, Fernando Diniz afirmou que não era uma derrota 'vergonhosa' e analisou a falta de criatividade da equipe.

- O termo (vergonha) pode ser usado. Tivemos dificuldades, mas não achei uma partida vergonhosa. Tivemos muitas dificuldades. Perder em casa na situação que estamos almejando cria uma instabilidade. Mas não considero uma partida vergonhosa. Jogamos muito mal e precisamos melhorar. Contra a Chapecoense fizemos três gols. Contra o Avaí também criamos. Contra o Corinthians tivemos chances. Hoje tivemos muitas dificuldades, foi específico, tivemos dificuldades para criar e concluir. Em algumas partidas criamos e não concluímos, mas hoje nem criamos - finalizou o treinador do São Paulo.

Com o resultado, o Tricolor paulista manteve os 52 pontos na tabela do Brasileirão. A equipe de Fernando Diniz volta aos gramados no próximo domingo, às 16h, no Morumbi, contra o Athletico-PR.







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também