Dinamarca e França decidem final do handebol masculino

·1 minuto de leitura
O dinamarquês Henrik Toft Hansen durante partida contra a Espanha

A seleção da Dinamarca vai enfrentar a da França na final do handebol masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Os dinamarqueses venceram os espanhóis por 27 a 23 nesta quinta-feira (5), enquanto os franceses derrotaram os egípcios por 27 a 23.

A seleção francesa se classificou para sua quarta final olímpica consecutiva, perdendo apenas na dos Jogos Rio-2016, para os dinamarqueses, e vencendo em Pequim-2008 (contra a Islândia) e em Londres-2012 (contra a Suécia).

A Dinamarca se confirma como a grande potência do handebol mundial nos últimos cinco anos, campeã olímpica em 2016 e bicampeã mundial em 2019 e 2021, além de ter os dois melhores jogadores da atualidade, Landin e Hansen.

Bicampeã mundial (2005 e 2013) e Europeia (2018 e 2020), a Espanha nunca disputou uma final em Jogos Olímpicos, apesar de ter três bronzes (Atlanta-1996, Sydney-2000 e Pequim-2008).

Em Tóquio-2020, poderá ganhar a quarta medalha de bronze, mas, para isso, terá de vencer o Egito, a revelação do torneio.

mcd/psr/mr/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos