Diante do 'algoz' Fluminense, Barroca tenta colocar último fio de esperança na permanência do Botafogo

Sergio Santana
·1 minuto de leitura


O Fluminense volta a aparecer no caminho de Eduardo Barroca. Em 2019, o Tricolor representou o fim da sua passagem como treinador do Botafogo após uma derrota. Em 2021, a questão é diferente: o comandante precisa mostrar uma resposta imediata no clássico deste domingo, às 20h30, pela 32ª rodada do Brasileirão, para tentar fugir do rebaixamento. A partida terá transmissão em tempo real no site do LANCE!.

A queda, no momento, parece iminente. O Botafogo é o último colocado do Campeonato Brasileiro, com 23 pontos, e está a nove pontos do Coritiba, primeira equipe fora da zona de rebaixamento. Em uma sequência negativa de resultados, a Série B se aproxima cada vez mais.

O último fio de esperança de uma possível permanência na primeira divisão passa diretamente pelo clássico, justamente o resultado que derrubou Eduardo Barroca em 2019 - na época, o treinador não conseguiu se segurar no cargo após quatro derrotas seguidas.

O "algoz" do treinador, por outro lado, chega sonhando com uma vaga na próxima Taça Libertadores. Os dois extremos entrarão no gramado de São Januário, mas com Eduardo Barroca podendo dar uma resposta concreta para o atual momento do Alvinegro e, além disto, no clube que resultou - mesmo que indiretamente - no fim da primeira passagem pelo clube de General Severiano.

A última tentativa de suspiro passa necessariamente por Eduardo Barroca. O Botafogo não apresentou boas atuações nas últimas rodadas - principalmente nos quesitos defensivos - e é preciso uma mudança imediata no estilo de jogo ou na postura nas quatro linhas em busca de resultados positivos. O Alvinegro, pelo menos, precisa tentar fazer a sua parte contra a Série B.