Dia Nacional do Orgulho Gay: Flamengo alerta para mortes por homofobia e pede respeito

LANCE!
·1 minuto de leitura


O Dia Nacional do Orgulho Gay, celebrado no dia 25 de março no Brasil, foi lembrado pelo Flamengo em postagens nas redes sociais, cujo cunho central é o alerta para o número elevado de mortes por homofobia no país:

- O Brasil é o país que mais mata LGBTs no mundo. De acordo com informações do GGB (Grupo Gay da Bahia), o Brasil registrou 141 mortes por homofobia de janeiro a 15 de maio de 2019. Uma média de 1 morte a cada 23 horas - postou o clube, pedindo em sequência:

- Neste Dia Nacional do Orgulho Gay, pedimos respeito, igualdade e o direito de viver e amar para todos.

+ Veja a tabela e o regulamento do Cariocão 2021

O Orgulho Gay, também conhecido como orgulho LGBTQI+, é um movimento que apoia e incentiva gays, lésbicas, bissexuais e transexuais a ter orgulho da sua orientação sexual, tendo em vista que a palavra "orgulho" é utilizada como antônimo de vergonha, algo que assolou - e ainda assola - quem sofre com opressão.