Di María acusa problema muscular e será reavaliado pela Argentina antes das oitavas de final

A seleção argentina cumpriu seu primeiro objetivo nesta Copa do Mundo do Catar ao vencer a Polônia por 2 a 0, nesta quarta-feira, e ficar na liderança do Grupo C. Mas tem uma preocupação já visando as oitavas de final. Isso porque um de seus astros, o atacante Ángel Di María, foi substituído devido a um desconforto muscular, de acordo com a 'Tyc Sports'.

Di María reclamou de fortes dores no quadríceps e foi substituído aos 15 minutos do segundo tempo por Leandro Paredes. O atacante será reavaliado pelo departamento médico, mas tudo indica que não será problema para enfrentar a Austrália, nas oitavas de final.

— Está tudo bem, a princípio. Ele sentiu alguma coisa no quadríceps, ficou duro (sic) e preferimos tirar. Todo mundo sabe que ele é importante, não vale a pena continuar com um jogador que tem chance de se machucar — disse o técnico Lionel Scaloni.

Depois de um tropeço diante da Arábia Saudita e da redenção diante do México, os argentinos venceram a Polônia nesta quarta-feira, por 2 a 0, no estádio 974, com participação direta dos quatro jovens. Com o resultado, a albiceleste espantou as chances de zebra e avançou em primeiro, com a Polônia em segundo, superando o México no saldo de gols.