Dez meses de pena suspensa para o ex-zagueiro alemão Metzelder

·1 minuto de leitura
Christoph Metzelder, pouco antes do início de seu processo no tribunal regional de Düsseldorf

O ex-zagueiro da seleção alemã Christoph Metzelder foi condenado nesta quinta-feira (29) em Düsseldorf a uma pena de dez meses de prisão depois de confessar ter divulgado imagens pedófilas.

Metzelder, de 40 anos, reconheceu nesta quinta-feira durante o primeiro dia de seu processo que enviou arquivos pedófilos pelo WhatsApp a várias mulheres, entre elas sua ex-namorada, que foi quem o denunciou.

O julgamento estava previsto para durar até o mês de maio, mas a confissão do acusado abriu o caminho para uma resolução rápida do caso, condenando a Metzelder a 10 meses de pena suspensa.

Durante a investigação foram encontrados em seu celular 297 arquivos de conteúdo pornográfico com crianças e adolescentes.

"Aceito o castigo e peço perdão às vítimas de violência sexual. Terei que viver o resto de minha vida com esta culpa", declarou Metzelder no início de um processo pelo qual poderia ter sido condenado a até 5 anos de prisão.

"Ele sabe o que fez e que pode ser considerado um crime, ele enfrentará suas responsabilidades", declarou em 21 de abril à televisão francesa RTL seu advogado, Ulrich Sommer.

bur-mat/yap/grp/gh/aa