Devido a caso de Covid-19 na família, Givanildo Oliveira comunica que não treinará mais o America

LANCE!
·1 minuto de leitura


Durou pouco a ligação do America com o técnico Givanildo Oliveira. Na manhã desta terça-feira, o treinador anunciou que, devido a um caso de Covid-19 na sua família, não terá condições de comandar o clube na sequência da Seletiva do Campeonato Carioca.

Givanildo, que teve o acerto confirmado no sábado passado, lamentou a necessidade de mudar os planos.

> Veja a tabela e a classificação da Seletiva do Carioca

- Na minha carreira toda, é a primeira vez que acontece isso comigo. Tivemos esse problema com uma pessoa muito próxima a mim e eu não tinha como viajar. Estava muito animado em dirigir este grande clube, seria a primeira vez no Rio de Janeiro - e, em seguida, falou para os torcedores do America:

- Peço desculpas ao torcedor por não conseguir estar nessa caminhada junto ao time, mas infelizmente foi algo que não tive como controlar - completou.

O America está sem treinador desde 31 de janeiro, quando Álvaro Gaia e demais membros de sua comissão técnica foram demitido após a derrota por 3 a 0 para o Americano. A equipe está na penúltima colocação, com seis pontos, a quatro da Cabofriense (líder da Seletiva).