Em despedida, Zinho afirma: 'Não continuo por não ter a palavra final no futebol do Flamengo'

Ex diretor de futebol do Rubro-Negro não aceitou a perda de poder

Lance!Press
Zinho
.

Exibir foto

Um dia após Patricia Amorim se despedir como presidente do Flamengo e entregar o bastão a Eduardo Bandeira de Mello, nesta sexta-feira foi a vez de Zinho comunicar oficialmente a sua saída do Rubro-Negro. O agora ex-diretor executivo do clube da Gávea concedeu uma entrevista coletiva no Ninho do Urubu, em Vargem Grande, e revelou que não continuará no clube por não poder exercer o mesmo poder que tinha na gestão de Patricia, agora sob o comando de Bandeira. Segundo o ex-dirigente, o profissionalismo falou mais alto do que a paixão pelo Rubro-Negro.

Veja também:
- Michel Alves e Thiaguinho chegam ao Vasco nesta sexta
- Jornal francês compara Lucas a Messi
- Celso Barros analisa: ‘Foi um ano importante’

"Eu preferi não permanecer no cargo, pois eu não teria a caneta para assinar, não teria a última palavra, não iria continuar exercendo a função que exerci este ano. Posso dizer que o meu profissionalismo falou mais alto do que o meu amor pelo Flamengo", comentou Zinho.

Na gestão de Eduardo Bandeira de Mello, Paulo Pelaipe irá exercer a função que era de Zinho, que teria de aceitar redução salarial para continuar na Gávea. De acordo com o ex-diretor, a chegada de Pelaipe realmente o enfraqueceu no clube.

"Brinquei com o Pelaipe, dizendo que ele me derrubou, e isso realmente aconteceu. A chegada dele me enfraqueceu bastante, pois eu não teria mais poder de decisão dentro do clube", disse o ex-dirigente, que acrescentou que poderá assumir o cargo de diretor executivo de futebol em qualquer outro clube:

"Meu nome está no mercado. Sei que fiz um bom trabalho e mostrei minha competência a todos. Vou fazer cursos, pois gostei dessa função. Posso trabalhar em qualquer outro clube, estou saindo com a cabeça erguida. Tenho reconhecimento na rua, sempre fui verdadeiro e saio sem nenhuma mancha no meu trabalho. Gostaria de permanecer, mas só se tivesse o mesmo poder que tive este ano. Seria até melhor continuar, já que iniciaria do zero, desde o início de uma temporada. Quem sabe no futuro eu volte ao Flamengo", detalhou o ex-diretor.

Após sete meses à frente do futebol rubro-negro, Zinho revelou também que o Flamengo convive diariamente com um turbilhão político. Segundo o ex-dirigente, a própria cúpla de futebol do clube não se entendia, o que atrapalhou bastante o crescimento do Flamengo.

"Eu não entro em questão política do clube, isso é um turbilhão. Não dou nome aos bois, a própria cúpula de futebol do Flamengo não se entendia, essas guerras internas atrapalham o crescimento do clube, Não aponto vilão algum", disparou.

Exibir comentários (56)
Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar:
  • Brasil joga mal com time misto, mas bate o Chile e segue 100% com Dunga

    A oitava vitória da Seleção Brasileira em oito partidas disputadas desde a demissão de Luiz Felipe Scolari foi uma das menos vistosas. Neste domingo, o técnico Dunga poupou titulares no amistoso contra o Chile e viu a sua equipe ser truculenta e pouco criativa no estádio do Arsenal, em Londres. Ainda assim, Roberto Firmino (que entrou no segundo tempo) garantiu a vitória por 1 a 0. Mais »

    Gazeta Press - 12 minutos atrás
  • Maria Clara e Carol vencem etapa de Salvador do Circuito Brasileiro

    As irmãs Maria Clara e Carol Salgado, filhas da técnica e ex-jogadora Isabel, faturaram na manhã deste domingo o título de Salvador do Circuito Brasileiro de vôlei de praia. Na última etapa da temporada, a dupla carioca venceu Juliana e Maria Elisa por 2 sets a 1 (parciais de 21/16, 16/21 e 15/9) e subiram ao lugar mais alto do pódio. No sábado, Maria Clara e Carol já haviam garantido o segundo lugar na classificação geral, uma vez que as atletas Larissa e Talita foram campeãs antecipadas na semana passada, em Jaboatão dos Guararapes. A mesma dupla conquistou o bronze na Bahia ao derrotar Ágatha e Bárbara Seixas por 2 sets 1 (17/21, 21/12 e 15/13). Após a partida, Carol celebrou o triunfo.  Mais »

    Gazeta Press - 12 minutos atrás
  • Hernández marca, e México vence amistoso contra Equador em LA

    Encarando o Equador neste domingo, a seleção mexicana conquistou sua primeira vitória em 2015. Com gol de Javier Hernández, a Tricolor saiu do estádio Los Angeles Memorial Coliseum com o triunfo por 1 a 0 na madrugada deste domingo. Mais »

    Gazeta Press - 12 minutos atrás
  • Etíope surpreende favoritos e vence Meia Maratona de Berlim

    Etíope surpreende favoritos e vence Meia Maratona de Berlim

    O trabalhador teve que ser hospitalizado e se encontra em estado grave, informou o Corpo de Bombeiros Mais »

    EFE - 29 minutos atrás
  • Gripe tira Leandro Pereira do banco, e Oswaldo relaciona Ryder no Verdão

    O quadro médico de Leandro Pereira obrigou o técnico Oswaldo de Oliveira a mudar a lista de relacionados que encaram o Red Bull neste domingo. O atacante sofre com febre e amigdalite, reações de uma forte gripe, e foi cortado do banco de reservas palmeirense. Ryder ganhou a vaga, tendo chance de participar de sua segunda partida neste Campeonato Paulista. Mais »

    Gazeta Press - 38 minutos atrás