Desfalques obrigam Rogério Ceni a montar meio-campo inédito no Flamengo; veja as opções

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Se não bastasse as ausências de Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta, Rogério Ceni ganhou mais um problema para escalar o meio-campo do Flamengo. Titular e peça-chave da equipe, Diego sofreu lesões no tornozelo e no joelho esquerdo e não tem previsão de retorno. Situação que obrigará o treinador a encontrar novas soluções e montar um meio-campo inédito para o clássico contra o Fluminense.

+ De olho no sucessor: veja 15 jogadores que o Flamengo poderia tentar para o lugar de Gerson

Diego era o último remanescente do meio-campo ideal, que foi formado por Ceni no início do ano e teve papel importante nas últimas conquistas rubro-negras. O setor, no entanto, começou a ser desfigurado há cerca de um mês, com a ida de Everton Ribeiro e Arrascaeta para a Copa América. Em seguida, mais recentemente, a saída de Gerson para o Olympique de Marselha também obrigou o treinador a realizar mudanças.

Diante das baixas, três jogadores assumiram a condição de titular nos últimos jogos do Flamengo e são figuras certas para o Fla-Flu de domingo: Vitinho, Michael e João Gomes. Este último, inclusive, foi assunto na coletiva de imprensa de Rogério Ceni após a vitória rubro-negra sobre o Cuiabá, na última quinta-feira, e foi chamado de "fundamental" pelo treinador.

+ Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

- O João Gomes no intervalo estava um pouco cansado. Na hora que eu vi o Diego tendo que sair de maca, eu também tenho que pensar no próximo jogo. João saiu porque eu perdi o Diego e não sei quanto tempo o Thiago Maia realmente aguenta. Ele (Gomes) passa a ser um jogador fundamental para a gente nos próximos jogos.

João Gomes - Flamengo
João Gomes - Flamengo

Gomes será titular novamente (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

A única dúvida que resta é justamente na escolha do substituto de Diego na função de primeiro volante. Para a vaga, Rogério Ceni tem três opções: Hugo Moura, Thiago Maia ou o avanço de Willian Arão, com a entrada de Gustavo Henrique na zaga.

Após realizarem trabalho regenerativo na reapresentação de sexta-feira, os titulares vão a campo no treino deste sábado no Ninho do Urubu para encerrar a curta preparação para o Fla-Flu. Esta será a única oportunidade para Ceni realizar testes e escolher a reposição de Diego. Não importa qual das três opções seja a escolhida, é possível dizer que a formação do meio-campo do Flamengo será inédita.

+ Confira a tabela completa do Campeonato Brasileiro

Flamengo e Fluminense se enfrentam neste domingo, às 16h (de Brasília), na Neo Química Arena, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. O LANCE! acompanha tudo sobre o clássico em Tempo Real.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos